Yusha Monogathai – Capítulo 3

145
Yusha Monagathai - Capítulo 2
Yusha Monogathai - Capítulo 4

Autor: The Kamalesh


Na parte periférica da cidade, num ferro- velho, dormia num carro o jovem Mirai e o gato Jikan. Mirai é um jovem adulto de 19 anos, que sempre usa um gato preto na cabeça, ele sonhava sobre um buraco negro destruindo tudo a sua volta. Até escutar um estrondo na porta e Mirai acorda, ao averiguar coloca Jikan em sua cabeça, pois seus poderes são causados por ele, chegando lá vê três homens na porta e Mirai os chama:

-E aí, o que vocês querem?

-Bom esse é nosso território. (Diz o do meio e provavelmente líder) Aqui não é lugar para mendigos que nem você.

-Olha, quero resolver isso pacificamente então me deixe morar aqui (retruca Mirai), o que vocês querem para me deixar morar aqui?

-Me traga Mussolini que podemos conversar (Diz o líder dando uma risada sarcástica)

-Ok, (Diz Mirai sério, seus olhos começam a brilhar e fala com uma voz diferente) 23 julho de 1883.

Após isso Mirai vira pó e some por alguns segundos e reaparece com um bebe e fala:

-Aqui o Mussolini, e agora posso morar aqui?

-Como fez isso só pode ser mentira! (Fala o líder com cara de espanto e de repente aparece uma bola preta em cima do ferro velho sugando tudo em vlta deles).

-Bom agora vem a explicação, estão vendo aquela coisa preta (diz Mirai apontando para o buraco negro) aquilo é um buraco negro e suga tudo que está ao seu redor, jogando tudo em outro lugar do espaço-tempo e ele é criado quando mudamos qualquer coisa do tempo, ele irá aumentar até eu desfazer o que eu fiz no tempo. (Ele dá uma respirada e se recompõe da explicação)

Mirai some novamente e volta sem o bebe e o buraco negro some só que leva todo ferro- velho e destruindo tudo, quando os homens vêem isso eles saem correndo e Mirai grita para eles zombando-os:

-Sabe pessoal, eu não quero mais morar aqui, acho que vou arrumar outro lugar.

Mirai vai correndo pra casa abandonada da rua e fica meio tonto e Jikan sai da cabeça de mirai e discute com ele:

-O que você fez! Você não pode fazer aquilo, pois pode ferrar todo espaço- tempo e isso te machuca, você sabe como isso faz mal para ti. Olha o seu estado!

Mirai para de escutar Jikan e começa a chorar e conversa consigo mesmo “Eu fico pensando nessas pessoas que pedem e falam que queriam poder voltar no tempo. Elas são muito burras, pois o preço é muito alto a cada salto no tempo eu perco minha memória tanto que nem lembro o nome de meus pais nem o rosto deles. Pelo menos, tenho Jikan meu gato e único amigo, mas mesmo assim fico vagando pelo mundo sem motivo para minha existência”. Ele acaba adormecendo.

Mirai acordou algumas horas depois, recuperado do que havia acontecido, se levantou e pegou Jikan colocando-o na cabeça. Resolveu dar uma volta na rua, até que Mirai viu um galpão e vai nele para dar uma olhada. Ele viu um exército de capangas e o líder em cima de um carro conversando com eles, e o líder diz:

– Meu nome é Lusie, meus pais eram importantes empresários que investiram em mim me treinando por toda minha vida e me transformando numa arma humana. Só que minha família perdeu todo o dinheiro e meus pais se mataram então eu irei reerguer o império de meu pai e vocês irão me ajudar com aquelas armas (Lusie aponta para o caminhão que está com as armas) elas servirão para nos ajudar a entrar dentro do banco, assim ficaremos ricos Ma Cherie.

-Ei, bunda mole (Grita Mirai que entra dentro do galpão)

-Falo comigo? Ma Cherie (Perguntou Lusie)

-Não, foi com a puta que te pariu (Diz Mirai rindo) renda-se entregue as armas, se não irei lhe espancar.

-Quem é você? (Argumenta Lusie com raiva)

-Bom o nome, que eu inventei é Mirai, porque não me lembro do meu nome .(Fala Mirai)

Os capangas começaram a atirar no Mirai e seus olhos começam a brilhar o tempo pára e todos e tudo ficam imóveis. Mirai toca nas balas que mudam a direção e vai pros capangas e ele corre pro caminhão que estava com um motorista, retira o motorista do assento e começa a dirigir. Imediatamente, o tempo volta ao normal, sendo que as balas acertam alguns capangas e Lusie corta uma bala com sua garra de metal.

Mirai começa a correr com o caminhão e despista o Lusie, só que sem querer ele perde o controle e começa a ir em alta velocidade na direção de uma idosa. De repente, Mirai vê um garoto fazendo um escudo de água que pára o caminhão. Ao sair do veiculo, ele pergunta para o misterioso garoto:

-Quem é você?

-Sou Hir…. Kamalesh, senhor ao seu dispor (Diz Hiro fazendo pose de herói) dirija com mais cuidado.

-É isso aí seu bêbado, ele está comigo, seu idiota, (Diz Hiroshi) na próxima nós iremos lhe mostrar uma lição.

-Olhe garoto, eu não quero lhe machucar então se desculpe comigo (Diz Mirai olhando para Hiroshi) agora.

-Você acha que tenho medo de ti! (Avisa Hiroshi que tenta dar um soco em Mirai, mas esse é mais rápido e acaba segurando o braço do Hiroshi e aplica uma torção em seu braço, por detrás de suas costas) Desculpa!

-Porque você está usando uma máscara do pânico? (Diz Mirai soltando Hiroshi)

-Não, eu tenho uma pergunta melhor, porque você está dirigindo nessa velocidade com um caminhão? Parece muito suspeito (diz o Hiro com um olhar suspeito e muito pensativo).

–Quer saber? Foda-se! (Mirai dá um golpe no pescoço do Hiroshi, que o faz desmaiar e grita:) Ratetsurugi! (aplicando um chute giratório no Hiro que o joga pra longe)

Mirai entra no caminhão e nesse instante aparece Luzie num carro com um dos seus capangas atirando. Mirai acelera o caminhão. Luzie sobe no capô do carro se segurando nele com sua garra e depois pula no caminhão. Ao ver isso, Mirai pausa o tempo e pega uma faca que estava dentro no caminhão. Logo em seguida ele pula em cima da parte de carga do caminhão, indo em direção ao Lusie, mas quando ele aproxima o tempo volta ao normal e o veículo retoma a sua velocidade original, assim Mirai voa pra fora do caminhão. Porém, Mirai pausa o tempo de novo e joga a faca no Lusie, o ferindo levemente. Quando tempo volta ao normal Lusie também cai do caminhão, mas na queda ele fura o pneu do caminhão com sua garra. O veículo desgovernado que bate num poste.

Lusie olha para Mirai e começa a rir e fala para ele de forma sarcástica:

-Ma Cherie, não tinha necessidade de isso acontecer você não deve nada a ninguém (Mirai ajoelha meio cansado) agora está cansado então não se preocupe porque será rápido e honrarei os meus pais e… (Mirai dá um soco no Lusie)

-Cansado só de poder porque fisicamente posso continuar assim o dia inteiro. (Responde Mirai com postura firme)

Lusie se recupera e tenta acertar Mirai com sua lamina, mas Mirai se desvia e dá um soco de gancho no queixo de Lusie, que após esse ataque revida com golpe rasteiro tentando enfiar sua lamina no Mirai, na hora que estava encostando nele ele para o tempo, por desespero! Nesse instante ele dá uma voadora no Lusie. Na hora que o tempo volta ao normal, Lusie voa para perto do caminhão.

De repente, aparece vários capangas fortemente armados, que ao comando do Lusie começaram a atirar em Mirai e por sorte dele chega Hiro fazendo um muro de água, no momento em que as balas passavam por ele perdiam a velocidade, Hiro diz:

-Eu não sei quem você é, mas lamento se eu não agüentar muito tempo aqui, pois não consigo respirar quando estou controlando a águ…(Hiro começa a fazer muita força)

-Jikan o que eu faço? Preciso ajudar esse garoto .(Nesse momento Hiro não escuta a conversa entre Mirai e Jikan)

-Não tem o que fazer, pois se você usar seus poderes morrerá! (Diz Jikan quase gritando)

-Não importa, mais nada importa, só a vida desse garoto esse é o meu destino e arriscarei minha vida por isso. (Diz Mirai com convicção)

Os olhos de Mirai começam a brilhar e ele forçando muito começa a sentir muita dor. Hiro acaba cedendo e o muro se dissolve, assim as balas vem na direção dele. Contudo, Mirai consegue usar seu poder vira pó e some antes das balas chegarem em Hiro. Mirai acorda em uma poça de água num lugar todo desértico e começa a rever uma de suas memórias. Mirai vê ele mesmo sentado triste numa cadeira vendo uma explosão destruindo todo universo até que chega um gato voador o jikan que conversa com ele:

-Olá Mirai.

-Quem é você? (Pergunta Mirai )

-Sou a pessoa que vai tirar você daqui. Agora me de sua mão (Diz Jikan dando sua pata e Mirai pondo sua mão nela e desaparecendo)

Após a memória acabar ele é teletranportado

Quando voltou para sua época real salvou o Hiro das balas e formou um buraco negro,bem em cima do caminhão que sugou todos a sua volta, menos o Lusie que consegui fugir, rastejando de lá sem ser percebido. Mirai percebeu que todos que queria tinham sido sugados, então voltou no tempo para deixar o bebe Hitler no lugar em que havia sido tirado, após isso o buraco negro se dissipou. Mirai fica muito cansado e cai no chão desmaiado.

Hiro vai correndo ajudar Mirai, e coloca-o encostado na parede depois joga um pouco de agua na cara de Mirai, que acorda e respira um pouco e depois olha para Hiro dizendo:

-Desculpe por ter te chutado.

-Desculpe por desconfiar de você é que sou novo nesse ramo de herói (Fala Hiro com positividade, Mirai repara no machucado no peito do Hiro)

-Que machucado é esse?

-Eu estava num galpão dando uma olhada num crime (Hiro fica com raiva e começa a falar com ódio) até vê o Akira Shinigami que me espancou, eu nem consegui revidar, teria morrido se não fosse ajuda de Hiroshi e seus poderes de cura. Não sei se posso continuar sendo um herói se eu não aumentar meu nível de luta.

-Eu acho que vou até me arrepender do que eu vou dizer (Mirai pensa consigo mesmo “Se esse é o meu destino então vou persistir e lutar para ele conseguir”) Você quer minha ajuda para treiná-lo e finalmente derrotar aquele babaca do Akira?

-S..sim! Mas aonde vamos treinar?

-Ei, pessoal o que aconteceu aqui? (Fala Hiroshi observando tudo que aconteceu) e porque você está conversando com esse cara?

-Bom, longa história, e esse cara vai me treinar, você quer também? (Diz Hiro)

-Sim (Hiroshi olha para Mirai) me desculpa por ter feito aquilo também.

-Claro que desculpo (Diz Mirai), mas só se fizer 100 flexões (Hiroshi olha com cara de raiva, mas faz os exercícios)

-Tive uma idéia onde a gente pode treinar no ferro-velho do pai do Hiroshi (Diz Hiro com entusiasmo)

Após Hiroshi terminar as flexões os três partiram para o ferro velho. Chegamo-la Mirai marcou o carro que iria dormir depois pegou duas geladeiras e fez um circuito. Logo em seguida arrumou uma garrafa de cerveja e subiu num alto do monte de carro e gritou-lhe lá de cima:

-VOCÊS IRÃO CORRER POR TODO ESSE CIRCUITO (QUE É O FERRO-VELHO INTEIRO) E NÃO VALE USAR PODERES. QUEM PERDER IRÁ FAZER 200 FLEXÕES. (Os dois colegas se entreolham com raiva, mas fizeram o que foi mandado. Mirai olha para Jikan e conversa com ele) agora entendo o que tenho que fazer. Obrigado por sempre me acompanhar.

-De nada (Os dois ficam admirando o pôr do sol juntos)

…No galpão que era a base do Lusie chega ele próprio se arrastando todo machucado e vê um homem misterioso com uma máscara vermelha, sentado na cadeira observando Lusie, que fica desesperado e fala com o homem:

-Olha o plano não tem como continuar porque apareceu um cara que mexe com o tempo e lutou comigo, destruiu o armamento e não vou invadir o banco sem armamento (Diz Lusie com muito medo)

-Não, (Levanta o homem misterioso) você não precisa disso quando me tem ao seu lado, porque tenho um plano bem melhor.


Novel ainda não adicionada na Central.
Yusha Monagathai - Capítulo 2
Yusha Monogathai - Capítulo 4