Trafford’s Trading Club – Capítulo 62

194
Trafford's Trading Club - Capítulo 61
Trafford's Trading Club - Capítulo 63

Você Já Provou?

Tradução: Shuichi || Revisão: Hell


Tu Jiaqing jogou fora o saquinho, tremendo, ela gritou: “Eu não quero!”

A senhorita Shu franziu a testa. E, sem dizer nada, ela pegou Tu Jiaqing pelos cabelos, a empurrou na pia e ligou a torneira.

Ela esperou até a água cobrir o rosto de Tu Jiaqing. Depois que Tu Jiaqing começou a se afogar, ela foi puxada pela senhorita Shu e seu rosto foi segurado de frente para o espelho. A secretária, então, sussurrou no ouvido dela.

“Olhe para si mesma e entenda quem você é. Nós podemos te fazer popular ou te destruir. Você acha que é a única que tem talento?”

Então, a senhorita Shu a soltou e o corpo de Tu Jiaqing caiu no chão.

A vontade dela começou a enfraquecer e ela tinha chegado ao limite de sua necessidade por aquelas pílulas.

Como isso pode acontecer?

Tu Jiaqing se perguntou no mesmo momento, como isso poderia acontecer… não devia ter sido assim.

Ela trocou a alma dela pelo corpo da irmã… sem arrependimentos. Mas, bem quando tudo tinha começado, ela não pode escrever suas próprias músicas e nem mostrar o seu talento…. este corpo já está viciado em drogas há muito tempo.

Que tipo de piada é essa?

Naquele momento, a senhorita Shu pegou as pílulas do chão, abriu a boca de Tu Jiaqing e a forçou a engolir.

Tu Jiaqing não sabia como as engoliu. Ela só se sentia horrível enquanto as drogas entravam em seu corpo por sua garganta. Ambas as suas mãos agarravam seu pescoço, tentando vomitá-las.

Mas, logo depois, um prazer de espírito a fez esquecer tudo. Imagens duplas começaram a aparecer em sua vista. Ela sentiu seu corpo ficar mais leve.

Uma sensação alegre se espalhou por todo o corpo dela, como se o corpo ressecado tivesse recebido humidade por uma boa chuva. A agitação, o desconforto e a irritação aos poucos começaram a se distanciar.

A visão dela começou a ficar embaçada e o rosto dela começou a parecer melhor.

A senhorita Shu fez uma ligação enquanto isso.

“É o King Kong? Nós a encontramos… Isso, a senhorita Tu estava passando mal, me ajude a levá-la… Sim, diga que o encontro começará em breve.”

Tu Jiaqing ouviu em silêncio. Ela sentiu que nada mais importava por causa das drogas e deixou a senhorita Shu limpar sua maquiagem borrada com um lenço molhado.

“Quem é essa mulher?” Perguntou a senhorita Shu depois de limpá-la.

“Ela é… ela é… a boa amiga da minha irmã, haha… Ah… Eu estou tão feliz… Voando! Huhu–!! Eu estou voando! Estou voando! Hee hee—!!”

“Tsk!” A senhorita Shu franziu a testa. “Você enlouquecer por causa das drogas?”

A senhorita Shu balançou a cabeça. Esse tipo de droga nova é forte, mas só dura por pouco tempo, deixando apenas o cliente sentir que o tempo passava mais devagar. Por causa deste efeito, a sensação prazerosa que a pessoa obtém é, com certeza, muito mais forte do que as drogas comuns. É quase impossível se desviciar nela.

Quando King Kong chegar, ela deve estar de volta ao normal.

“Chefe.”

Enquanto a senhorita Shu abria a bolsa de Ren Zilling e verificava o passe de jornalista no pescoço dela, ela pediu instruções do chefe dela e relatou este acontecido para ele.

Uma voz profunda de um homem veio do outro lado da linha.

“Uma jornalista … faça o que achar necessário. Mas tenha cuidado, eu preciso das conexões da família Zong, então eu não quero nada desagradável.”

“Entendi.”

Depois de um tempo, Tu Jiaqing recuperou a consciência. Ela começou a sentir medo, pânico e não conseguia se acalmar.

Nesse momento, King Kong a chamou do corredor.

“Lembre-se de quem você é, não desaponte seus fãs.” A senhorita Shu falou com frieza.

“O-o que você vai fazer com ela?” Tu Jiaqing perguntou com medo.

“Nós temos que limpar a sua bagunça. Seria melhor você saber o seu lugar. Eu não tenho tempo, mas ainda tenho que limpar a sua bagunça o tempo todo… Sai agora!” A senhorita Shu respondeu.

De acordo com as palavras dela, parece que essa não é a primeira vez que tal coisa acontece.

Tu Jiaqing tremeu, baixou a cabeça e andou como se estivesse em transe. Ela não disse nada quando encontrou King Kong, e foi na direção do saguão em silêncio.

A senhorita Shu franziu a testa e esmagou as pílulas que restavam no saquinho com os dedos. Depois, andou até a janela, a abriu e olhou lá fora.

Por fim, ela pegou luvas brancas de borracha do outro bolso e as vestiu. Depois pegou o lenço molhado, colocou na mãos de Ren Zilling e pressionou a mão na janela.

Depois disso, ela apoiou Ren Zilling perto da janela, colocou um pouco de água no saquinho e mexeu. Ela, então, abriu a boca de Ren Zilling, com a intenção de despejar o pó da pílula misturada com água na boca dela.

“Você vai para a sala de monitoramento depois? Que cuidadosa… Você sempre faz isso?”

Uma terceira voz soou no banheiro… a voz de uma mulher.

A porta… deveria estar trancada!

A senhorita Shu tomou um susto e se virou rapidamente… Ela viu uma mulher muito linda, olhando para ela tranquilamente. Ela parecia ter saído de um sonho.

A senhorita Shu franziu a testa, sua mão foi lentamente à sua cintura. Mas ela não conseguiu encontrar o que ela queria no cinto.

“Procurando por isso?”

Pode ter apenas o cumprimernto de um dedo, mas ainda é uma faca extremamente afiada. Naquele momento, está nas mãos desta linda mulher.

Quando ela roubou isso?

A senhorita Shu estava surpresa… Como ela conseguiu passar da porta trancada? Sem fazer nenhum barulho?

“Quem é você?” A senhorita Shu olhou em alerta para a mulher.

Ignorando a pergunta dela, a formosa mulher se aproximou. O coração(?) da senhorita Shu se contraiu abruptamente, pretendendo dobrar o corpo um pouco, a fim de poder liberar uma força maior depois.

Mas… ela não conseguiu se mover!

Não importa quanta força ela usasse, seu corpo parecia estar petrificado.

“Já provou o gosto você mesma?”

Ao ouvir isso, desacreditada, a senhorita Shu viu seu braço começar a dobrar, fazendo a bolinha se aproximar de sua boca.

O coração dela batia freneticamente, seus olhos se arregalaram, porque ela sabia claramente quão horrível essas coisas eram… Era mais terrível ainda se acontecesse com ela!

Ela não conseguia fazer nada para parar, e apenas observou o líquido chegar perto. Por fim, ela mostrou a expressão mais aterrorizada que ela já fez na vida.

“Espera! Podemos conversar. Dou o que você quiser!”

“Não é necessário.” A linda mulher respondeu em tom suave. “Se eu pudesse te dar a chance de falar… Então quem estaria fazendo isso não seria eu.”

“Não—!”


(2/3)


Considere doar para a novel! Agora é possível doar por Paypal. No PayPal o processo é mais rápido e mais seguro! Doe o valor que desejar para a novel de sua escolha e quando o valor somado com o de outros doadores chegar a 20, nós traduziremos mais 2 capítulo!

Ei, você gosta desta novel? Acha que tem pontos a se melhorar? Ou acha que o autor já conseguiu expor toda sua experiência com esta obra? Diz pra gente lá no novo site da Central Novels!

Trafford's Trading Club - Capítulo 61
Trafford's Trading Club - Capítulo 63
COMPARTILHAR
Trabalhe até o seu ídolo se tornar o seu concorrente. (Postarei novels não revisadas no meu Wordpress, apenas quando eu tive tempo livre e/ou goste muito de uma novel que não se adéqua à Empire Novels.) *Isso não afetará o cronograma de postagem das minhas outras traduções.*