Warlock of the Magus World: Capítulo 57 – Murphy

1
814

Tradução: Denn

Revisão: P_


 

 

Leylin tocou a campainha que estava pendurada perto da porta. Podia-se ouvir um toque de campainha, seguido pelo barulho de passos correndo.

 

“Olá! Posso perguntar quem você é? Você tem algum compromisso aqui?”

 

Um mordomo meticuloso apareceu na frente de Leylin.

 

“Leylin Farlier, estou aqui para visitar o proprietário desta casa!”

 

Leylin sorriu.

 

O mordomo, obviamente, parecia angustiado quando disse:

 

“Senhor, como você sabe, meu mestre, Murphy, é um renomado estudioso. Sua agenda todos os dias é extremamente lotada, talvez…”

 

Neste momento, uma garota, que parecia a empregada, apressadamente correu e sussurrou nos ouvidos do mordomo.

 

A aparência do mordomo mudou imediatamente quando ele se curvou e disse:

 

“Meu mestre convida você para a sala de estar!”

 

Leylin sorriu enquanto recuperava as ondas de energia que irradiava.

 

Ao entrar no interior da casa, havia um corredor repleto de várias peças de arte, como pinturas expostas nas fracas paredes de cor amarela, todos os tipos de pinturas a óleo e outros espécimes de arte, que eram bastante agradáveis aos olhos.

 

Quando a sala de estar entrou em sua visão, tornou-se bastante óbvio que era uma casa espaçosa.

 

A decoração no quarto era extremamente estética. Embora não existissem itens brilhantes de ouro ou prata ou gemas, essas peças tinham uma aura de história e deram uma sensação de elegância discreta.

 

Ao lado da lareira na sala de estar, um velho erudito, de sobrancelhas brancas e barba, descansava sobre uma cadeira vermelha escura.

 

Os olhos do velho pareciam lamacentos, com apenas vestígios ocasionais de inteligência.

 

Os olhos abertos do velho homem se abriram ao ver Leylin. Ele se levantou e abriu os braços num gesto de abraço:

 

“Bem-vindo, meu jovem amigo!”

 

Leylin avançou para abraçar o velho:

 

“É uma honra poder conhecê-lo! Espero que goste deste presente que eu trouxe para você!”

 

Anna deu um passo à frente e entregou ao mordomo um chapéu extremamente requintado.

 

“Eu gosto das Penas da cauda do Falcão da Noite. Eles representam a paz!”

 

O velho balançou as mãos:

“Lille, você pode sair, eu quero ter uma boa conversa com este meu amigo!”

 

Leylin disse o mesmo à Anna que estava ao seu lado.

 

Depois de estenderem suas saudações, as poucas empregadas domésticas e o mordomo saíram, fechando a porta atrás deles. Muito em breve, só Leylin e o velho ficaram na sala.

 

“Tudo bem, vamos reintroduzir-nos! Murphy, acólito nível 3! Eu tenho sido um residente da Cidade Extrema da Noite por 3 anos agora…”

 

Os olhos do velho mostraram sinais de relembrar seus eventos do passado.

 

“Então, convidado de longe, e quanto a você?”

 

“Leylin Farlier, acólito de nível 2 e Mago errante. Eu vim recentemente à Cidade Extrema da Noite e desejo residir aqui por diversos anos.”

 

Leylin sorriu e fez uma reverência para o Mago.

 

“Eu detecto sinais de juventude em seu corpo. Ser capaz de avançar para o nível 2 nesta idade, você tem uma aptidão bastante grande!”

 

Murphy suspirou em admiração.

 

“Eu só tive sorte…”

 

Leylin contestou. Embora o corpo do velho tivesse degenerado, as ondas de energia de um acólito de nível 3 disseram a todos que não era bom provocá-lo.

 

“A.I. Chip, iniciar a varredura!”

 

[Murphy. Força: 1.5, Agilidade: 1.4, Vitalidade: 2.9, Força Espiritual: 8.5, Poder Mágico: 8. Status: Saudável. Avaliação: nível 3 acólito, relativamente perigoso!]

 

O A.I. Chip enviou fielmente os status para o campo de visão de Leylin.

 

Sendo um acólito de nível 3 errante, a série de feitiços de Murphy conhecia superou definitivamente a de Leylin. Além disso, ele teria alguns trunfos extremamente difíceis de lidar como magias ocultas para proteger sua vida.

 

No entanto, Leylin veio com boas intenções. A partir da varredura de área do A.I. Chip, o número de acólitos que residem na Cidade Extrema da Noite não era alto. Quanto a este Murphy, ele irradiou uma das mais fortes ondas de energia.

 

Depois de trocar vários cumprimentos educados, Leylin mergulhou imediatamente no objetivo principal de sua visita.

 

“Então é assim! Desejo residir permanentemente na Cidade Extrema da Noite, e até mesmo abrir uma loja de ingredientes. Você sabe, os procedimentos são extremamente tediosos, e eu também preciso de um residente para agir como meu fiador…”

 

“Então você veio aqui para eu ser seu fiador?”

 

Murphy sorriu e bebeu o copo de chá vermelho que estava na mesa.

 

“Para ser honesto, como um Mago ambicioso e que procura a verdade, moedas de ouro e coisas do gênero não devem mais nos influenciar. Embora eu não saiba por que você chegou a esta conclusão, por um capricho, talvez? Ou por algum outro motivo? Para mim, isso realmente é um assunto pequeno!”

 

“Coincidentemente, eu tenho algumas relações amigáveis com o Senhor desta cidade. Um de seus filhos também está sob minha tutela. Além disso, qualquer senhor da cidade não vai recusar o pedido de uma Entidade Misteriosa… Os procedimentos residenciais aqui na Cidade Extrema da Noite, bem como a licença de loja, podem ser resolvidos muito facilmente.”

 

Murphy garantiu.

 

“Então eu devo realmente lhe agradecer!”

 

Leylin balançou a cabeça:

 

“Se houver alguma área que eu pudesse te ajudar, não hesite em perguntar!”

 

Embora isso fosse dito para satisfazer os requisitos de etiqueta, tanto Leylin e o velho sabia que foi dito como uma mera cortesia.

 

A manipulação de procedimentos residenciais pode ser difícil para os seres humanos regulares. No entanto, para um estudioso famoso como Murphy, era apenas uma questão de poucas palavras. Mesmo se Leylin quisesse lidar com esses procedimentos sozinho, ele teria que gastar mais tempo do que o velho.

 

Para Murphy e Leylin, este assunto era simplesmente um meio de estabelecer uma amizade básica de conveniência entre eles.

 

“A Cidade Extrema da Noite é um lugar calmo e tranquilo. Se você quiser ter dias pacíficos, então este lugar vai certamente satisfazer as suas necessidades. Mais tarde, também apresentarei a alguns amigos meus. No entanto, existem alguns costumes convencionais que têm de serem cumpridos… Não se preocupe, eles são todos os costumes práticos, por exemplo, não se deve massacrar os moradores ou algo parecido!”

 

“Eu definitivamente concordo!”

 

Leylin veio para esta cidade para evitar o caos da guerra e intriga. Naturalmente ele não faria nada que pudesse chamar a atenção para si mesmo.

 

Leylin e Murphy então falaram sobre muitas questões relacionadas a Magos, desde como estabilizar um modelo de magia para níveis avançados até algumas das aventuras pessoais de Murphy.

 

Embora Murphy fosse apenas um acólito de nível 3, sua experiência foi abundante por ter permanecido nesse nível por muito tempo. Isso fez Leylin sentir que a viagem não foi em vão.

 

Por outro lado, o vasto conhecimento de Leylin e a ótima memória chocaram Murphy.

 

Ambos lamentaram não ter se encontrado antes. Eles até tiveram seu almoço juntos até o crepúsculo antes de Murphy deixar Leylin sair. Quando se despediram, chegaram a organizar a próxima reunião.

 

“De acordo com o que Murphy disse, os mágicos da Cidade Extrema da Noite são todos do nível acólito. Quanto às poucas cidades próximas, Magos Oficiais também eram extremamente raros tornando este lugar muito apropriado para um acólito viver!”

 

As perguntas que fez hoje fizeram com que Leylin se sentisse à vontade, deixando-o caminhar num ritmo mais lento e mais relaxado.

 

“Somente em relação a este caso em que as plantas e a madeira secaram Murphy era completamente ignorante. Afinal, ele já é bastante velho e não deseja correr riscos…”

 

As duas lâmpadas de rua foram acesas com uma chama amarela escura, permitindo a Leylin ver a estrada à frente.

 

Anna seguiu silenciosamente atrás de Leylin. Sendo uma excelente empregada, ela obviamente sabia o que tinha que fazer, o que era não interromper o raciocínio de Leylin enquanto ele estava pensando profundamente.

 

Depois que Leylin passou por uma simulação de seus planos mais uma vez, ambos tinham chegado à estalagem.

 

“Jovem Mestre!”

 

“Senhor!”

 

O velho Welker, Greem e Fraser se apresentaram para recebê-los.

 

Leylin assentiu com a cabeça:

 

“Depois do jantar, todos venham para o meu quarto. Há muitas coisas que eu quero informar a todos vocês sobre meus planos futuros!”

 

O jantar foi vegetais, saladas e sopa de carne de carneiro, seguido por enormes peças de biscoitos secos. Depois que Leylin terminou e permitiu que Anna o limpasse, as pessoas principais entre seus subordinados foram para o quarto de Leylin.

 

Leylin sentou-se em uma cadeira envolta em pele de besta e escutou silenciosamente seus relatórios.

 

“Welker, como foi a busca de uma residência?”

 

“Jovem Mestre, o Velho Welker já contatou um Cavaleiro que se prepara para mudar para a Província do Sábio. Ele está disposto a vender uma pequena mansão na cidade para você.”

 

O velho Welker relatou. Apesar de ser um homem velho, ele estava cheio de energia depois de encontrá-los um novo lar.

 

“Muito bom, e como é a área? O lugar é suficiente para abrigar todos nós? E o preço da mansão?”

 

Leylin perguntou.

 

“Por favor, esteja tranquilo, Jovem Mestre. O velho Welker e eu olhamos a mansão hoje. A área é muito grande e não tem nenhum problema acomodar uma centena de pessoas. Além disso, há mesmo uma palmeira, um lago de peixes, e um moinho. O atual dono, Cavaleiro Victor originalmente construiu a mansão de acordo com os padrões de um barão. Ele nunca pensou que mudaria de propriedade tão rapidamente. Quanto ao preço, o Cavaleiro Victor colocou em 5000 moedas de ouro!”

 

“Não é tão caro, moedas de ouro não são um problema!”

 

Leylin entrelaçou os dedos. Para um Mago, itens terrestres como moedas de ouro são insignificantes. O que eles se preocupavam eram apenas com cristais mágicos, ingredientes de alta qualidade, e a aquisição de conhecimento antigo remanescente.

 

Leylin tinha cristais mágicos de alto grau. Qualquer peça seria capaz de obter um preço muito superior a esta quantidade de moedas de ouro. No entanto, Leylin não estava preparado para fazer isso. Afinal, os cristais mágicos eram mais raros. Se ele realmente não conseguisse as moedas de ouro, então ele iria pedir emprestado algumas moedas para Murphy em troca de algumas poções o que não era uma má ideia de todo.

 

“Muito bem! Vamos dar uma olhada amanhã. Se o preço e a área forem adequados, podemos assinar o contrato imediatamente.”

 

Leylin balançou a cabeça, dizendo:

 

“Além disso, vá passear pelas ruas e procurar alguma coisa para mim. Recentemente, as ervas disponíveis aqui na cidade diminuíram. Definitivamente haverá muitas lojas de pequeno porte que não podem mais gerenciar e estão prestes a fechar. Vá e olhe eles primeiro!”

 

“Perdoe-me por perguntar, mas, Jovem Mestre, você está pensando em abrir uma loja de ervas? A licença para fazer esse negócio tem requisitos bastante rigorosos…”

 

Fayern disse.

 

“Com relação a isso, nenhum de vocês tem que se preocupar. Eu já fiz arranjos. A licença estará aqui dentro de alguns dias.”

 

Ouvindo isso, Fayern e o velho Welker ficaram aturdidos. Para poder garantir tal coisa com bastante facilidade, a identidade de Leylin como nobre já havia sido confirmada.

 

“No reino de Poolfield, a nobreza representa progresso e esperança!”

 

Com isso em mente, seus olhares para Leylin se tornaram mais fervorosos.

 

Fayern fechou silenciosamente os punhos. Sendo um dos poucos que podia olhar para frente, ele naturalmente sabia que não poderia trabalhar como mercenário por muito mais tempo. A maioria dos mercenários carregava um monte de lesões e cicatrizes com as suas sepulturas sabendo pouco prazer em suas vidas tipicamente curtas. Entretanto, ser empregado por este senhor Leylin como seu exército confidencial poderia ser a maneira mais rápida para sair fora deste negócio.

  • Reizen

    A tropinha do Leylin estão cada vez mais leais para ele, que conveniente.
    Hora de abrir o negócio nessa nova cidade ʕ ͡° ͜ʖ ͡°ʔ