Warlock of the Magus World – Capítulo 219 – Encarceramento Absoluto

2
628

Tradução — Aguinor
Revisão — Reizen


Ao ver o inimigo Mago responsável pela defesa, Leylin levantou a mão direita e acenou.

*Weng!*

Inúmeras figuras negras surgiram das sombras, sobrepostas entre si à medida que se multiplicavam continuamente. Com a acumulação das sombras, uma pequena luz apareceu na frente de seu dedo que formou um vórtice em pequena escala que parecia poder sugar espírito de alguém.

Na frente de Leylin, uma camada de ferro cinzento esverdeado apareceu instantaneamente na pele daquele Magus.

Esta era a “Pele de Ferro”, um feitiço inato de solidificação do elemento terra que os Magos de Rank 1 gostavam de usar.

*Ondulação!*

O dedo de Leylin parecia estar se movendo extremamente devagar, quando na verdade ele estava se aproximando muito rapidamente. Quando ele tocou a “Pele de Ferro” do Mago, o som da água sendo agitada podia ser ouvido.

[N.T.: Igual quando se joga uma pedra no lago ou agita a mão na piscina, esse tipo de barulho.]

Na frente do dedo de Leylin, a Pele de Ferro do Mago foi descascada pouco a pouco como uma cobra trocando de pele. Um olhar de incredulidade apareceu no rosto do Mago, e depois de Leylin aplicar um golpe rápido na testa dele, seus olhos se reviraram e ela desmaiou.

“Laura?!” O líder da equipe estava furioso.

Pouco depois, um rolo apareceu em suas mãos e Blake, que estava de um dos lados do líder, produziu um pequeno escudo do tamanho de uma palma.

Ondas de energia imensas foram emitidas a partir desses dois itens, indicando que eles estavam prontos para serem ativados a qualquer momento.

“Vocês dois podem me atacar juntos!”

Diante dessa visão, Leylin simplesmente sorriu e estendeu as duas mãos.

*Tssss!*

Fluxos de ar negro foram emitidos de seus dedos, e cada uma dos dez fluxos de ar eram como pequenas cobras conforme cercavam esses dois Magos.

Onde os dois magos estavam anteriormente, agora dois casulos pretos podiam ser vistos. A partir desses casulos, era possível ouvir os sibilos ocasionais das cobras.

Segundos depois, a névoa negra se dissipou, deixando para trás dois Magos que haviam desmaiado no chão.

Havia uma camada de marcas vagas que eram como serpentes negras vagando de um lado para o outro através de seus rostos.

*Pak!*

Depois de cuidar desses três Magos, Leylin fez com que as videiras das sombras que bloqueavam o céu para voltar para sua sombra.

“Eu consigo sentir agora! Com o estímulo contínuo da minha linhagem, meu controle sobre a escuridão está se tornando cada vez mais forte!”

A escuridão nas pupilas de Leylin tornou-se mais profunda, e ele pareceu intoxicado enquanto pensava profundamente enquanto murmurava para si mesmo.

Depois de lidar com o aprisionamento dos três Magos, Leylin esperou mais alguns minutos.

*Zoom!*

Duas figuras humanas não identificáveis ​​estavam voando pelo chão, correndo velozmente na direção de Leylin. Mesmo Leylin só conseguiu ver as pôs-imagens.

*Thud!*

As duas figuras negras levavam algo nos ombros e chegaram a Leylin, jogando as coisas que tinham nas costas para o chão.

“Mestre!” O Número 2 e o Número 3 se ajoelharam em uma perna, saudando-o.

“De acordo com suas ordens, nós capturamos todos eles. Nenhum escapou!”

Os dois Magos que haviam escapado estavam atualmente deitados no chão.

Várias lesões tão profundas expunham os ossos podiam ser vistos nos corpos dos Magos. Eles estavam extremamente pálidos, resultado da perda extrema de sangue. Não era difícil imaginar que essas feridas fossem o resultado de uma batalha feroz.

“Ótimo! Você fizeram bem! “Leylin expressou sua aprovação para seus subordinados.

Estes dois Magos eram recém-avançados e, portanto, os mais fracos entre os Magos. Os Números 2 e 3 conseguiram derrotá-los por causa do imenso poder que os Cavaleiros Rúnicos, uma subdivisão dos Magos antigos, continha.

Talvez, este seja o resultado óbvio do amplo consumo de potencial e vitalidade dos Números 2 e 3.

Para obter poder, Leylin não teve escolha senão acelerar as coisas e realizar muitos métodos tabu em seus corpos. Isso permitiu que eles rompessem seus limites e se tornassem Cavaleiros Rúnicos em um curto espaço de tempo.

Por causa disso, sua vitalidade foi consumida a um ritmo mais rápido. Com base nos cálculos do A.I. Chip, eles só tinham mais dois meses de vida.

“Traga-os. Estamos indo agora!”

Leylin soltou um suspiro de alívio quando ele apontou para os cinco Magos da Abyssal Bone Forest Academy, que estavam deitados no chão.

Ele ainda tinha muitas perguntas que só poderiam ser respondidas por essas pessoas.

Além disso, não era uma tarefa simples obter Magos oficiais como escravos e cobaias.

Leylin ainda tinha muitas ideias e conjecturas em relação aos Cavaleiros Rúnicos, e ele precisava testá-las nesses Magos.

Afinal, nos tempos antigos, os Cavaleiros Rúnicos eram uma subdivisão dos magos oficiais, não dos Cavaleiros!

Assim, com os Grandes Cavaleiros como cobaias, Leylin ainda sentiu que faltava alguma coisa, mesmo com a ajuda do A.I. Chip. No final, tudo o que ele produziu foram os Números 2 e 3, que eram versões incompletas do Cavaleiro Rúnico.

Isso pode ser devido à falta da tremenda força espiritual que os Magos normalmente possuíam, o que resultou na dificuldade dos Números 2 e 3 em manipular as partículas elementares no ar. Foi várias vezes mais difícil do que o previsto pelo A.I. Chip.

Leylin considerou alguns cenários e depois trouxe os cinco Magos para uma área segura e escondida. Depois de interrogá-los, ele imediatamente começou a verificar suas dúvidas quanto aos Cavaleiros Rúnicos.

Leylin só ousou ser tão sem escrúpulos porque este era um tempo de guerra e ele estava fazendo isso com aqueles do campo inimigo.

Caso contrário, usar Magos oficiais como cobaias certamente resultaria no descontentamento da sociedade e ele receberia repercussões negativas.

—◊—◊—◊—

Em um terreno alto cheio de flores brancas.

Na densa neblina, existia um grande castelo que parecia um cone invertido.

Este castelo tinha apenas um ponto que estava conectado ao chão e ainda assim era capaz de suportar o corpo principal do castelo em cima. Olhando para ela, dava a estranha ideia de que o mundo estava de cabeça para baixo.

Parecia que este castelo era normalmente construído com a ponta da torre mirando o céu, mas alguém o tinha virado de cabeça para baixo.

Na calçada pavimentada de mármore branco, uma velha com cabelo prateado estava carregando uma lâmpada de óleo, passando lentamente.

*Ka-cha!* Uma porta de metal emitindo correntes elétricas azuis na superfície foi empurrada para a frente.

*Tssss!* Grandes quantidades de gás branco gelado começaram a se condensar quando entraram em contato com o exterior. Enchendo a passarela atrás dela com uma camada de geada branca.

A velha entrou no cômodo, que era praticamente um mundo de gelo e neve. Estava abaixo de 0 graus, e se alguém fosse um humano comum, seria impossível ficar aqui por mais de alguns segundos.

No centro da casa, fluxo de vapor branco emanava constantemente de dois caixões de gelo.

Através dos caixões translúcidos, podia-se ver um homem corpulento em um, e uma menina deitada silenciosamente na outra.

Ambos tinham os olhos bem fechados, um olhar de dor e sinais de esforço passando em seus rostos de vez em quando. Cada um tinha uma runa com uma cobra sempre se mexendo em seu pescoço e na mão direita.

“Desculpe pelo incômodo, Doutor Hyder!”

A velha saiu do caminho, e um mago com cabelo prateado veio por trás dela.

Este mago parecia ser muito velho, com muitas rugas em seu rosto. No entanto, seus olhos eram brilhantes e ele tinha um sorriso benevolente no rosto.

“As maldições são uma parte muito problemática dos feitiços. Elas envolvem muitas coisas estranhas e cruéis e os Magos na Costa Sul que sabem esse tipo de magia são escassos. Não posso garantir nada além senão tentar o meu melhor “.

Hyder, um Mago especializado em cura, não se aproximou imediatamente dos pacientes, mas primeiro falou com a velha.

“Você é um especialista neste campo. Se você não conseguir resolver esse problema, então eu nem sei mais em quem eu deveria pedir ajuda. “

Ela deu uma risada amarga.

“Bem! Eu vou dar o meu melhor!”

Hyder assentiu. Normalmente, ele definitivamente não assumiria tais trabalhos. Não só eles eram perigosos, era fácil ofender o Mago que havia posto a maldição.

No entanto, ele estava em bons termos com essa família e lhes devia alguns favores. Por isso, ele não teve escolha senão vir.

Hyder avançou e olhou os caixões de gelo para cima e para baixo, e depois assentiu.

“Quando incapaz de tratar um problema, o congelamento da vítima é um método muito bom!”

Ele deslocou seu foco para além da camada de gelo, e ao ver as runas da maldição dentro, ele ofegou.

A expressão de Hyder imediatamente tornou-se séria, e uma atmosfera sufocante permeou o ar.

Ele retirou vários itens bizarros de suas roupas, que pareciam ser úteis para testar a natureza e os efeitos da maldição.

A velha que estava atrás dele respirava ansiosamente, sem ousar falar sequer uma palavra.

Um bom tempo depois, Hyder colocou o estetoscópio* em suas mãos e esfregou o suor frio em sua testa.

[Nota Reizen: Instrumento usado para ara amplificar sons corporais de humanos ou animais.]

 

“Como eles estão?” Ela imediatamente perguntou.

“É problemático! Não, é extremamente problemático! “Hyder parecia anormalmente solene.

“Senti uma aura antiga dessa runa. É possível que se trate de uma maldição passada desde os tempos antigos, e basicamente não existem outros modelos na Costa Sul. Além disso, esta técnica é muito complicada e sem grandes quantidades de experimentação, tentar tratá-la neste momento só irá resultar na maldição se tornar frenética no corpo. Isso será algo que nenhum de nós gostaria de ver…”

Agora, depois de ver quão exigente e assustador era essa maldição, mesmo Hyder lamentou sua decisão. Valeu a pena pagar um favor e, por sua vez, ofender um mago obscuro aterrorizante?

“Uma antiga maldição… hss…” a velha senhora ofegou.

Como uma família com uma longa história, ela naturalmente entendia a dificuldade em lidar com esse tipo de maldição.

Forçar a quebra da maldição só resultaria na morte, a menos que o Mago que tivesse lançado a maldição decidisse parar de perseguir o assunto.

“Não há outros métodos?” Com um brilho esperançoso em seus olhos, ela olhou para Hyder.

“Seria melhor negociar com o Mago que lançou a maldição. Além disso, eu precisaria de grandes quantidades de cobaias e testes práticos para encontrar uma maneira e quebrar a maldição “.

Hyder inclinou a cabeça e pensou por um momento, antes de falar.

“Além disso, há um limite de tempo para a maldição. Com base no meu teste, há no máximo mais um mês antes dela se ativar completamente! “Hyder deixou cair outra bomba sobre ela*.

[Nota Reizen: Essa expressão significa dar péssimas notícias…]

Ao ouvir isso, a velha senhora tremeu e então ela respirou profundamente, um olhar resoluto em seu rosto.

“Não importa o que aconteça com Manla, mas nada pode acontecer com Jenna! Esse é o meu limite final!”

Ei, você gosta desta novel? Acha que tem pontos a se melhorar? Ou acha que o autor já conseguiu expor toda sua experiência com esta obra? Diz pra gente lá no novo site da Central Novels!