Stranger’s Handbook – Capítulo 2 – Totalmente sozinho.

0
350
Tradução: KingofHornet
Revisão: KingofHornet

 

Olá, este é o homem de meia-idade que se molha.

Eu estou bem.
Estou bem porque não fui exposto.

Parece que um dos cavaleiros estava me esperando na frente da sala.

“Lamento ter feito você esperar!”

“Não se preocupe com isso! É por ali.”

Eu vou para a direção em que ele apontou com o dedo.

Um corredor feito de pedras.
Realmente se parece e dá uma sensação de um corredor subterrâneo de um castelo medieval europeu.
As paredes parecem lisas e perfeitamente refinadas.
Isso é um tapete no chão?
Este imponente pano azul-verde…

Essas luzes elétricas são?
Essas luzes organizadas de forma sistemática que se deslocam em intervalos iguais.

É o Japão? Existem organizações Japonesas que poderiam construir um castelo medieval com um subterrâneo? Ou estou num país estrangeiro?
Uma organização que pode facilmente tomar mais de 10 pessoas sem usar passaportes, hein!?…

Não importa como você olhe para isso, é incomum.

“Err! Está tudo bem para mim falar?”

“Você não deve! Fiquem em silêncio e se mova!”

“… …. Entendido!”

Hmm
Fiquei sem rodeios e ele recusou ferozmente, não senti qualquer tipo de raiva em sua voz…

O incidente a pouco tempo atrás e a interação agora.
Esses cavaleiros têm grande orgulho e agem de acordo com um claro propósito. Ou então parece.

E, como eu pensava, estamos por acaso no meio de um processo de teste ou classificação?

“A propósito, por que você ficou nesse quarto até o final?”

O cavaleiro que me seguiu perguntou.
Como eu respondo?

“Bem, desde que percebi que vocês, pessoas, não tem intenção de nos causar mal, eu fiquei atrasado para lidar com aqueles que poderiam ter ido contra suas indicações.”

“Entendo. Continue!”

“Com todo o devido respeito, você matou dois homens e manteve suas espadas cobertas de sangue para todos verem. Certamente, devido ao terror infligido, todos teriam obedecido suas instruções. Mas havia mulheres jovens dentro daquela sala também.”

“Entendo. O medo é susceptível a criar confusão e a possibilidade de desmaiar.”

“Sim, é exatamente como você disse.”

“Por que você pensou que não pretendemos prejudicá-lo?”

“Isso é porque vocês precisam de nós para algo. Ou, vocês estão procurando uma pessoa especializada.”

O cavaleiro parou seus passos.

“Você não pretende nos prejudicar? Isso é um pouco diferente, não é? Você não pretende nos prejudicar sem sentido! Não é assim?”

Virei a cabeça para o cavaleiro enquanto fazia a pergunta…
Ah!

Ele estava rindo com um rosto horrível e sombrio…
Eu estraguei tudo?

“Hahahaha…! Você vem por aqui. Me siga!”

Você……?
Parece que dessa forma não conseguirei alcançar os outros.

Depois de andar um pouco, o cavaleiro entrou em uma sala.

O quarto era de aproximadamente 20-jou (tatami)
Este é um quarto de hóspedes? Tem móveis e tudo mais.
Cadeiras, mesa, cama…
É um quarto totalmente mobiliado, huh?

“Coloque isso em primeiro lugar.”

Ouvindo isso, um par de calças e uma camisa foram entregues a mim.
Não há cueca!

Não há cueca…

“Você vai esperar aqui depois de terminar de colocar isso.”

O cavaleiro deixou a sala num ritmo acelerado.

“Fuu…”

Um suspiro me escapou.
Terremoto.
Corpos nus.
Assassinato.
Tantas coisas ocorreram repetidamente…

Simplesmente não há como não se sentir cansado.

O que acontecerá a partir de agora, eu me pergunto…
Seu objetivo não está claro.
Suas capacidades organizacionais também são desconhecidas.
Este lugar também não é identificado.

Eu… também posso morrer, huh…
Não, acho que vou morrer com certeza…

Não vejo possibilidade de escapar com minha vida, não importa o quão positivamente eu estou olhando para essa situação.
Aposto que seu objetivo também é perigoso e aterrorizante.

Eles até fizeram todo o esforço para matar alguém também.
É certo que eles não são um tipo de voluntários ou parte de uma organização de paz.

Eu me encontrei suspirando novamente enquanto abaixava meu corpo no sofá.

“Haa…”

Rezo para que talvez não machuque muito…

Enquanto pensava nisso, examinei um jarra de água.

Depois de todo esse tempo, eles não estarão introduzindo veneno na equação também, certo……

Segundo, apenas para a jarra de água prateada, é um copo de prata pouco sujo.
Pelo aspecto disso, é água comum.

Gostaria de tomar um café… estava pensando enquanto bebia uma pouco de água morna.
Me lembro do café deixado no meu carro.
Cigarros e café… acho que não vou mais saboreá-los.

Gacha

Aquele que abriu a porta e entrou no quarto era um homem velho vestido com roupas caras.

“Então você é o candidato para Herói do outro mundo?!”

Isso…
Eu vou morrer…… provavelmente……