O Leão Meio Sangue – Capítulo 04: Erva Medicinal.

0
60

Thallys tentou segurar a risada, mas foi uma missão fracassada, ele riu tanto que chegou a derramar catarro pelo nariz e lágrimas caiam de seus olhos.  

“Alguém no quinto nível humano aos 14 anos preocupado com alguns trocados, isso na verdade é tão irónico, você já poderia receber salário trabalhando para alguma grande família.” Thallys colocou as mãos no bolso, e jogou 5 moedas na direção de Xun Kou.  

Quando as moedas caíram nas mãos de Xun Kou, seus olhos se arregalaram tanto que poderiam cair de seu rosto.  

Na sua mão tinham 5 moedas de prata.  

“Cada moeda de prata equivale a dez moedas de cobre! Você é louco? São 50 moedas de cobre nas minhas mãos aqui!” berrou Xun Kou, com os olhos ainda arregalados. 

“idiota, eu teria te entregado isso mesmo que você não duelasse comigo, afinal, precisamos da sua influência e poder.” Pensou Thallys com um sorriso forçado no rosto.  

“Não é só isso, também quero lhe entregar essa erva medicinal.” Thallys caminhou até Xun Kou, e tirou uma folha verde do bolso, a folha exalava um tipo de aura calma, mas poderosa.  

“I-isso é! Essas ervas medicinais são muito boas para cultivar energia da natureza!” Disse Xun Kou enquanto pegava a erva com todo o cuidado do mundo.  

“Eu acredito que você já deve está no pináculo do primeiro nível mortal…” Thallys se aproximou do ouvido de Xun Kou, e falou lentamente.  

“Como você?” Xun Kou deu alguns passos para trás, afinal cultivar energia da natureza é um crime gravíssimo, nem mesmo o rei ousaria.  

“Não se preocupe, todos em todas as facções cultivam a energia da natureza, não somos trouxas ao ponto de achar que vamos vencer o rei sem isso. Afinal, nós lutamos pela liberdade, e ninguém acredita no conto idiota de cultivar a energia do universo.” Disse Thallys enquanto começava a caminhar para alguns metros de Xun Kou.  

“Você sabe… isso é um pequeno favor, lembre-se da minha facção quando formar a sua, a minha ‘Corte Profano’ sempre vai está de braços abertos para te apoiar. Ah proposito, nós estamos na floresta negra, caso queira pagar uma visita. Eu te confirmo hoje Xun Kou, que algo grande vai acontecer em três meses, e você precisa está do nosso lado até lá.” Disse Thallys enquanto vagava pelas sombras, se distanciando cada vez mais.  

Xun Kou acenou com a cabeça, e então foi até onde estavam os dois baldes de água, e caminhou em direção a sua casa.  

“Isso é incrível, agora eu sinto que tudo pode dá certo!”  

Xun Kou caminhou até sua casa, deixou os 2 baldes de água na sala, e falou com seu velho pai. Xun Piao ainda não podia acreditar que seu filho havia ganhado tanto dinheiro, e nesse momento ele estava olhando pro teto enquanto tentava raciocinar a informação. “Xun Kou realmente vai ser alguém grande… só espero que ele não pense em ir contra o Rei…” Algumas lágrimas caíram do rosto de Xun Piao, e por mais que ele as enxugasse, elas não paravam de cair em nenhum momento.  

Xun Kou foi até o centro de Littlegarden.  

Alguns comércios abertos, algumas grandes lojas e restaurantes, e locais menores em becos escuros, como o bar doido, onde alguns bêbados sonhavam com suas riquezas enquanto estavam caídos e no sono profundo em frente ao Bar.  

Ele se dirigiu até uma cabana de aproximadamente 6 metros, que tinha algumas coisas dentro, na placa dizia; 

“Acessórios para fazenda, estudo e combate.”  

Xun Kou se aproximou, ao ver o garoto, o dono da cabana acenou com a cabeça para o seu assistente o atender.  

Afinal o dono da cabana não iria perder tempo com um garoto que ele tinha certeza que era pobre.  

O funcionário se aproximou, um rapaz jovem de 17 ou 18 anos, cabelos curtos e vermelhos, com sardas no rosto e olhos azuis, sua pele era branca e ele vestia uma blusa vermelha com bordas brancas.  

“Boa Noite, como posso ajudar o senhor?” disse o jovem rapaz com um belo sorriso no rosto.  

“Noite, eu gostaria de um canteiro de plantação de 10 slots, de preferência um feito de Blackluster.” Disse Xun Kou.  

Nesse momento os olhos do rapaz brilharam. Ele pegou um objeto grande e preto com aproximadamente 140 centímetros.  

“Ok… são 15 moedas de cobre, senhor.” Ele segurou com certa dificuldade, ele estava apenas no terceiro nível humano, e aquilo pesava cerca de 100 kilos.  

Xun Kou tirou 2 moedas e prata e as jogou casualmente, o jovem tomou um susto. O rapaz na sua frente parecia ser pobre, mas só alguém rico jogaria duas moedas de prata casualmente.  

“Se o senhor quiser… nós podemos fazer o serviço de formação também.” Disse o jovem rapaz. 

“Oh, e posso saber quanto custa?” perguntou Xun Kou enquanto coçava o queixo. 

“Custam apenas duas moedas de cobre, senhor.”  

“Então eu vou querer.” Xun Kou pegou o Canteiro com extrema facilidade e o colocou no ombro, nesse momento o jovem rapaz entendeu algo. O garoto na sua frente era muito mais poderoso do que ele, agora era explicado o fato de ele ter muito dinheiro, ele provavelmente veio de uma boa família.  

“Bom… existem 4 classes de famílias em littlegarden, os operários, os autos, os financeiros e os ricos, eu sou de uma família auto, então esse rapaz deve ser de uma família financeira pelo menos.” Pensou o jovem rapaz enquanto acenava com a cabeça. 

“Chefe, vou fazer a instalação de um canteiro, logo retorno.” Disse o rapaz enquanto saia da Cabana.  

“Certo… oh, aquele moleque tinha dinheiro para um canteiro? Mesmo que seja um de dois slots… achei que ele só iria querer comprar algo que valesse uma moeda, mas enfim, deixe assim mesmo.” Disse o velho enquanto lia um livro.  

Se ele soubesse que o pobre rapaz que ele julgou comprou um canteiro de 10 slots, ele vomitaria sangue. Ele apenas achou que fosse um de dois slots por que não viu seu assistente carregando nada. Ele com certeza não pensaria na hipótese de um pobre garoto carregar um grande canteiro.  

Eles caminharam até chegarem na casa de Xun Kou. 

“Então, eu não entendo muito sobre isso, onde eu posso deixar o canteiro?” perguntou Kou 

“Ao lado da casa, por favor…” o rapaz estava impressionado que Xun Kou não fosse rico, pelo contrário, a casa de Xun Kou era menor do que a do rapaz. Porém como um profissional, isso não o incomodou e ele se concentrou no trabalho. 

“Primeiro, eu preciso cavar e enterrar esse canteiro.” O rapaz tirou um anel de seu bolso, esse anel brilhou e de dentro dele saiu uma pá feita com um minério vermelho sangue.  

“Anel de armazenamento… ouvi falar que um chega a custar 100 moedas de prata.” Xun Kou quase engasgou quando viu aquilo. 

“Oh, esse é só uma versão falsa. Tem apenas 3 metros de comprimento e 2 de altura dentro dele. Esse custou 10 moedas de prata, e no mercado negro o preço abaixo para 6 ou 7. É um gasto necessário.” O rapaz sorriu e então começou a cavar. Após terminar, ele colocou o canteiro dentro do buraco feito por ele.  

O rapaz encheu os dez slots do canteiro com poeira e pequenas rochas, além disso, tirou uma pequena garrafa de seu anel de armazenamento e despejou algumas gotas de água em cada slot.  

“Está quase terminado, só preciso ajustar duas coisas, primeiro o contrato de sangue, você precisa jogar uma gota de seu sangue aí, assim o contrato vai ser feito e qualquer um que não seja de seu sangue que tentar o roubar, vai ser atacado. Além de que você vai ser avisado.” Disse o jovem rapaz.  

“Eu preciso chamar meu pai então, ele também vai precisar disso.” Exclamou Xun Kou. 

“Não se preocupe, seu pai obviamente tem seu sangue, e você pode pensar em quem vai poder pegar na hora que despejar o sangue, assim o mecanismo vai entender. Bom, faça isso, por favor.” Disse o rapaz. 

Ele deu uma agulha para Xun Kou, que fez um furo no dedo, e despejou uma gota de sangue no canteiro, que brilhou por alguns segundos antes de parar.  

“Ok, agora só falta algo” o rapaz tirou um frasco com um liquido azul de seu anel de armazenamento.  

“Isso é chamado de Fluir, se você despejar uma gota disso, acelera em três vezes o processo da colheita, além de ele durar por dois ou três dias, você pode colocar hoje, e plantar em dois dias, por exemplo, a semente vai sugar o efeito mesmo assim.” Disse o rapaz mostrando o frasco.  

“Isso na verdade é incrível, me diga… seriam uma gota para cada slot certo?” Disse Xun Kou enquanto coçava atrás da cabeça.  

“Ah não se preocupe, é totalmente escolha sua, dependendo do total, existe o desconto, se você quiser nos 10 slots, posso fazer por 5 moedas de cobre.” Disse o rapaz tentando aliviar Xun Kou. Agora que ele viu a casa do rapaz, sabia que ele era pobre, assim ele daria um desconto de 40% para o rapaz, se fosse necessário, ele daria um desconto de 50%. 

“Esse rapaz deve ter trabalhado mais do que, por toda a vida para juntar essas moedas, não é uma má ideia o ajudar. Pelo seu esforço, sua família certamente crescerá no futuro.” Pensou o Rapaz. 

“Quantas gotas no frasco, e quanto custa?” perguntou Xun Kou. 

“Oh, tem um total de 60 gotas no frasco, e ele custa 14 moedas de cobre.” Assim que o rapaz acabou de falar, duas moedas de prata caíram nas suas mãos.  

“Ok, primeiro passe o frasco, e segundo, passe meu troco.” Disse Xun Kou.