UA-97719368-1
terça-feira, janeiro 23, 2018
Tradução: Neto.H
Revisão: Pomba

Fei caminhou para a praça e olhou detalhadamente ao redor. Ele descobriu que a maioria das pessoas aqui eram pálidas, magras e usavam roupas esfarrapadas. Eram os cidadãos mais pobres de Chambord e todos se reuniram aqui por alguma razão. No momento em que eles viram Fei chegar, eles se alegraram e ajoelharam no chão.

“Olhem, sua majestade realmente veio…”

“Majestade, por favor, reestabeleça a justiça para todos nós!

“Queremos processar os oficiais da prisão. Eles abusaram de seus poderes e prenderam inocentes… “

“Rei Alexander, meu filho foi preso e jogado na Prisão de Ferro apenas porque ele acidentalmente ofendeu Gill, filho do ex-ministro-chefe. Sua Majestade, por favor, faça algo sobre isso… “

Os cidadãos se ajoelharam no chão e gritaram alto.

Fei virou-se e olhou para Brook. Brook rapidamente balançou a cabeça e disse:

“Vossa Majestade, eu não notifiquei essas pessoas para se reunirem aqui, nem sequer lhes disse que iríamos vir aqui nesta tarde. Estranho… devo dispersa-los? “

Fei sorriu enquanto balançava a cabeça.

“Está tudo bem. Não estou aqui para reformar a Prisão de Ferro? Isto é perfeito, posso obter ainda mais informações sobre cada prisioneiro. Envie um soldado para montar mesas e cadeiras na praça e diga a Warden Oleg para trazer todos os documentos. Vou reformar a prisão na frente de todos os cidadãos. “

Brook assentiu e foi executar a ordem de Fei.

Logo, os cidadãos na praça foram separados pelos soldados. Uma tenda foi instalada na praça e mesas de pedra e cadeiras foram colocadas dentro. Pilhas de documentos escritos em seda e peles de animais, explicando o processo de julgamento e como cada caso foi resolvido nos últimos dez anos, foram entregues na tenda. Alguns documentos até tinham mofo sobre eles, pois foram deixados no mesmo local por muito tempo. Quando Fei abriu os arquivos sujos, um cheiro de mofo encheu seu nariz.

“Grande e honrado Rei Alexander, estes são os arquivos dos últimos dez anos. Eu ordenei a meus subordinados para trazer todos eles aqui e nenhum único arquivo está faltando, meu rei. Desde que me tornei o Diretor, não ousei me livrar de nada… “

O adulador Oleg estava ao lado de Fei, suplicante, enquanto sorria. Um delicado leque de penas brancas, em suas mãos, movia-se rapidamente e abanava Fei para mantê-lo fresco.

Fei assentiu levemente.

Oleg saiu do galpão excitado, como se ele fosse um galo que foi encorajado por seu dono durante uma briga de galos. Ele anunciou:

“O Grande Rei Alexander chegou à Prisão de Ferro para expor e corrigir todos os crimes que o conspirador Bazzer cometeu contra Chambord. Agradeçam pela justiça e retidão que chegou à Prisão de Ferro. Se algum de vocês foi tratado injustamente e foi perseguido por aquele maldito Bazzer, você pode reclamar com segurança ao Grande Rei Alexander. Nosso rei é sábio, justo, imparcial e bondoso… ele dará a todos os inocentes um tratamento justo. “

Oleg usou pelo menos doze adjetivos para elogiar Fei. Depois que sua saliva tinha jorrado em toda parte, ele finalmente ordenou aos soldados que separassem cuidadosamente os cidadãos na tenda e criassem uma pequena entrada. Os cidadãos foram autorizados a entrar e reclamar um por um.

Fei assentiu em silêncio.

Embora Oleg fosse medroso, ganancioso, assustado com a morte e um grande adulador, ele tinha seus pontos fortes. Comparado com os oficiais militares, como Brook, ele era mais atento. Ele tinha um bom controle de situações como esta. Se esses tipos de pessoas fossem usados corretamente, seriam grandes assistentes.

“Honorável Rei Alexander, por favor, ouça minhas queixas…”

Um idoso esfarrapado entrou primeiro e ajoelhou-se no chão. Seu filho era um servo na mansão do ex-ministro. Seu filho quebrou uma vez, acidentalmente, a tigela de alimento do cão do gordo Gill e foi exigido que ele pagasse 10 moedas de ouro. Como sua família não tinha esse dinheiro, seu filho foi preso na Prisão de Ferro. Fazia três meses que o velho nem sequer sabia se o seu filho ainda estava vivo.

Rapidamente, um carcereiro passou a Fei o documento sobre o filho do ancião. Fei olhou de relance e o registro era, praticamente, o mesmo que o ancião lhe havia dito. Ele usou sua caneta e pôs fim ao caso. O filho do homem idoso foi liberado imediatamente e Fei tirou 10 moedas de ouro, da propriedade confiscada de Bazzer, e deu-as à família como compensação. O filho do idoso sofreu algum tormento, mas, no geral, ele estava saudável. O pai e o filho se abraçaram e choraram, e então eles se ajoelharam para agradecer a Fei por sua misericórdia …

Depois de ver esta cena, todos os cidadãos ao redor ficaram animados.

As pessoas entravam na tenda e choravam enquanto se queixavam continuamente. A maioria deles eram incidentes pequenos e menores, mas porque afetaram Bazzer e os outros nobres no reino, os cidadãos foram abusados pelos poderes superiores e foram trancados, sofrendo tormentos na Masmorra de Água…

Em apenas trinta minutos, Fei havia libertado mais de quarenta pessoas da Prisão de Ferro. Todas as pessoas inocentes não só tinham recuperado suas liberdades, mas também receberam muita compensação. Uma moeda de ouro era em torno da renda anual de uma família pobre. Todo mundo na praça sentiu-se grato e ajoelhou-se enquanto eles aplaudiam.

“Salve o rei!!!”

Fei tinha gostado da emoção de ser um juiz.

Mas à medida que a revisão continuava, as pessoas que haviam planejado assistir não podiam deixar de se levantar e reclamar das injustiças que lhes aconteciam. Algumas pessoas foram roubadas pelos nobres, perderam tudo o que tinham, e tornaram-se desabrigadas, enquanto outros perderam seus tesouros de família ao serem enganados por grandes comerciantes. Alguns até tiveram suas lindas filhas sequestradas pelas mansões dos nobres, para nunca mais serem vistas de novo…

De repente, os cidadãos na praça estavam excitados e indignados… a situação estava ficando um pouco fora do controle de Fei.

Assim que Fei percebeu que mais e mais pessoas estavam vindo para a praça, depois que ouviram a notícia, ele fez uma pausa no evento público de “renovação”. Ele ordenou a uma secretária que registasse todas as queixas e as entregasse ao novo Ministro Chefe Bast. Fei acreditava que seu futuro sogro poderia lidar com os casos adequadamente.

Fei, por outro lado, passou por todos os documentos. A maioria dos casos não foi difícil de resolver. Após duas horas, 60 a 70% dos prisioneiros foram libertados. Honestamente, no remoto reino de Chambord, a maioria das pessoas era amável e amigável, portanto não haveria crimes enormes ou chocantes. A maioria dos casos foi criada por nobres e comerciantes ricos oprimindo os civis pobres, enquanto alguns eram disputas entre vizinhos. Para Fei, que era uma pessoa educada da Terra, enquanto seguisse os princípios da igualdade, todas as questões seriam resolvidas rapidamente.

Depois de terminar de processar todos os documentos, todos os civis se ajoelharam excitados e aplaudiram.

“Salve o Rei!!”

“Viva o Rei Alexander!!”

Sob esses gritos, Fei, Brook e Oleg entraram na Prisão de Ferro – Masmorra de Água.

Depois de entrar no bunker de pedra, Fei percebeu que o nome da prisão era uma descrição precisa da mesma. O edifício na praça era apenas o local onde os funcionários da prisão viviam. A verdadeira prisão era subterrânea. Alguém tinha perfurado um corredor profundo na montanha rochosa.

O corredor tinha quase três metros de altura e dois metros de largura e entrava profundamente no chão. Numerosas escadas de pedra estavam dispostas no corredor.

A claridade rapidamente deu lugar à escuridão. Depois de cerca de trezentos ou quatrocentos metros de profundidade, o corredor finalmente se tornou mais plano. Em vez de ir para o fundo, estendeu-se mais horizontalmente. Em ambos os lados do corredor, havia muitas prateleiras de pedra artificial na parede, de tamanhos irregulares, que sustentavam tochas de carvão. As chamas cintilavam e iluminavam todo o corredor, mas a escuridão mais distante, no final do corredor, criou uma atmosfera assustadora.

Fei ficava mais surpreso a medida que entrava mais fundo na prisão.

Ele ficou chocado quando descobriu que o interior da montanha, na parte de trás de Chambord, era completamente ocupado pela prisão. A prisão inteira não tinha um único tijolo ou azulejo, foi totalmente cavada no interior da montanha, como um todo, e era como um labirinto subterrâneo. Depois de mais de dois quilômetros e meio de caminhada, e passando por mais de duas dezenas de portões de ferro, Fei ouviu o som borbulhante de água quando a passagem se abriu. Muitas celas de pedra foram cavadas em ambos os lados do corredor e fechadas por grades de aço. Estas celas de pedra estavam dispostas em camadas, com feno molhado, e continham somente camas e cadeiras de pedra. Essas celas eram onde viviam os prisioneiros.

Devido à liberação maciça de cidadãos inocentes e renovação da prisão por Fei mais cedo, a maioria das celas de pedra estavam agora vazias. Apenas algumas ainda estavam mantendo prisioneiros que realmente haviam cometido roubos, assaltos e outros crimes. Depois de ver a aparência das figuras de poder em Chambord, alguns prisioneiros não tiveram qualquer resposta, alguns correram para a grade de aço e gritaram sua inocência e outros riram de Fei com desdém…

Quanto mais Fei caminhava, mais largo era o corredor até que se transformou num grande salão.

O som borbulhante da água tornou-se mais e mais claro.

Finalmente, depois de avançar por mais 450 metros, um rio subterrâneo apareceu num dos lados do corredor. Frio, os ossos gelavam devido a água que fluía no rio. Algumas celas de pedra foram cavadas sob a superfície da água, fazendo com que a água gelada inundasse o chão dessas celas. A única forma de evitar a água gelada era ficar nas camas de pedra. Esta era a chamada “Masmorra de Água”.

O nível da “Prisão de Ferro – Masmorra de Água” estava muito além da imaginação de Fei. Para cavar um labirinto tão magnífico na montanha, mesmo usando as ferramentas e os métodos arquitetônicos do século 21, gastaria vários anos e uma enorme soma de dinheiro, recursos e trabalho… foi muito chocante. Era difícil imaginar quem tinha cavado realmente uma caverna tão grande.

Como se ele visse a confusão do rei, Oleg seguiu Fei e humildemente explicou:

“Sua Majestade, a prisão não foi construída por Chambordianos… de acordo com a Literatura Real, cem anos atrás, um cidadão estava caçando em volta da montanha e descobriu, acidentalmente, esta caverna subterrânea. Depois que o rei soube sobre isso, ordenou que esse lugar fosse bloqueado. As gerações de reis que sucederam, gradualmente exploraram e fizeram melhorias que acabaram por transformar este lugar na prisão inquebrável. Durante os últimos sessenta anos, nenhum prisioneiro foi capaz de escapar daqui. Dizia-se que seu pai, o velho rei Alexander, tinha aprisionado um guerreiro poderoso e terrível, mas até a morte, aquele guerreiro não conseguiu escapar daqui… “

“Então foi assim. ”

Depois de ouvir a explicação do diretor Oleg, Fei entendeu imediatamente.

Este registro era o único que poderia fazer sentido. Esta caverna subterrânea enorme nunca poderia ter sido o trabalho de Chambordianos. Mesmo se Chambord ainda fosse um ligeiramente poderoso reino afiliado de nivel 4, a operação de cavar uma caverna tão magnífica na montanha levaria mais de cem anos.

“Então você sabe quem criou essa caverna subterrânea?”

Fei perguntou.

“Ninguém sabe quem criou este lugar. Não há pistas ou vestígios deixados neste lugar. Exceto por essas simples celas de pedra e esse corredor, não há estátuas ou murais. Quando os reis anteriores entraram aqui pela primeira vez, não havia escritos, materiais ou suprimentos. Parecia que este lugar foi cavado por alguém e foi abandonado por algum motivo misterioso. Algumas pessoas até suspeitam que esta é uma obra de Deus. “

“Obra de Deus? ”

“Sim, exceto por um supremo Deus todo-poderoso, quem mais conseguiria cavar através das rochas duras e criar uma caverna tão gigantesca dentro de uma montanha?  … é claro, outros dizem que essa caverna de pedra pode ter sido a obra-prima de uma escavação dos anões, mas os anões desapareceram há mais de quatrocentos ou quinhentos anos… “

Enquanto Oleg falava, a visão de Fei clareou. Seu campo de visão, repentinamente, se abriu. Um salão, de algumas centenas de metros de altura, apareceu bem na frente de Fei. Numerosas tochas estavam espalhadas nas paredes e teto. Pareciam estrelas brilhantes na noite escura, belas e cintilantes.

Camadas e camadas de escadas foram cavadas na parede e conduziam para outra área. As centenas de metros de muros de pedra haviam sido divididas em dez andares, com várias celas de pedra em cada andar. Isso fez com que Fei sentisse como se tivesse viajado no espaço novamente e, de repente, estava num alto arranha-céu na Terra.

Foi extremamente chocante. Nenhuma palavra poderia descrever o choque que Fei estava experimentando.

“Majestade, aqui é onde mantemos os prisioneiros mais importantes. O mago coberto de preto e o corpo do cavaleiro mascarado prateado estão todos trancados aqui. O antigo comandante da Guarda do Rei, Peter-Cech, que foi acusado de traição, também está sendo mantido aqui. ”

Oleg explicou a Fei cuidadosamente.

Fei assentiu e disse.

“Eh, bom. Oleg, envie alguém com o Sr. Brook para trazer de volta o Sr. Cech. Eu quero conhece-lo.”

Oleg rapidamente chamou dois carcereiros e ordenou que escoltassem Brook nas escadas de pedra. Eles rapidamente desapareceram pelo corredor no muro de pedra. Cech era um criminoso, então ele estava preso no sétimo andar. Levaria algum tempo para traze-lo.

Enquanto isso, Fei deu uma olhada detalhada nesse salão extremamente maciço. Quanto mais ele olhava, mais ele ficava chocado. Apesar de ser do século 21 na Terra, ele também estava tendendo a acreditar que a construção deste salão era obra de Deus. Era simplesmente incrível. Dezenas de “Grutas de Mogao (1) ” não poderiam se comparar com o tamanho desta caverna.

De repente, os olhos de Fei focaram numa grande porta de aço preta, de aproximadamente vinte metros, que estava na parede de pedra mais longe.

“O que é aquela porta?”

Fei perguntou.


1. As Grutas de Mogao, situadas nos arredores da cidade de Dunhuang, na província de Gansu, no noroeste da República Popular da China, compõe-se de 735 covas com mais de 45 000 metros quadrados de pinturas murais, o que as tornam o maior conjunto de arte budista do mundo.

Night Mode