Hail the King: Capítulo 14: A Instalação de Cura

0
597
Tradução: Shaduum
Revisão: Zeon

Agora Angela e Emma perceberam a atmosfera circundante anormal.

Os soldados estavam olhando para Alexander com total respeito. O Rei que antes havia sido uma piada para todos em Chambord, agora, parecia ser um super-ídolo pelo qual cada soldado iria sacrificar a sua própria vida para salvá-lo. Este nível de respeito e adoração dos soldados era geralmente só dirigido para Lampard.

“Salve o Rei Alexander!”

“Viva o Rei Alexander!”

Fei se sentiu muito bem na frente de Angela. Ele deu aos soldados que o cercavam um olhar que apenas parceiros iriam entender. Os soldados riram e foram muito cooperativos; todos eles levantaram os braços e gritaram:

“Viva o Rei Alexander!”

Naquela época, cada soldado sentiu que Alexander era um monte de merda comparado com sua noiva Angela, que era um diamante brilhando. Eles sentiram pena de Angela e acreditavam que Alexander não era suficientemente bom para ela.

No entanto, eles agora sentiam que “o monte de merda” Alexander era o único em Chambord digno deste diamante.

Foi estranho para Angela e Emma, que nunca encontraram tal atmosfera quando Alexander estava presente.

“O que aconteceu??”

As duas meninas inteligentes não envolveram suas cabeças em torno desse assunto.

Neste momento…

“Vossa Majestade, Pierce está quase morrendo…”

Brook, o segundo comandante dos guardas do Rei, avançou em direção a Fei.

Embora soubesse que o Rei Alexander não era um médico nem mesmo um padre da igreja, ele ainda tinha uma pequena quantidade de esperança em Fei pelo seu desempenho incrível de hoje. Ele esperava que Fei ainda estivesse escondendo alguns segredos sob as mangas.

“Deus, por favor! Dá-nos mais um milagre! Apenas mais um milagre do Rei Alexander!”

“Pierce?”

O homem de cabelo branco que tinha arriscado sua vida para destruir as duas escadas de cerco apareceu na mente de Fei. Aquele homem era um verdadeiro guerreiro, não há dúvida sobre isso, e não apenas por causa de sua força, mas também por causa de sua mentalidade e vontade de sacrificar sua vida por algo que ele amava.

“Brook, cuide da Angela e Emma para mim, eu vou ir e dar uma olhada!”

Fei bateu na mão de Angela e apaixonadamente disse-lhe para ter cuidado. Então, ele olhou para Emma e ergueu as sobrancelhas para mostrar-lhe sua nova influência sobre os soldados, incluindo os comandantes. Finalmente, um soldado levou-o para a instalação de cura.

“FEH!”

Emma não podia tomar provocações de Fei. Ela olhou para as costas de Fei com ‘amargura’, enquanto ele estava se afastando. Então ela se virou e disse de maneira fofa.

“Tio Brook! O que aconteceu? Alexander parece… ”

Essa era a mesma pergunta que Angela, que estava corando por causa do comportamento sedutor de Fei, queria saber a resposta.

Brook sorriu quando ele lhes contou o que tinha acontecido no momento crítico da batalha quando Fei chegou.

Como o segundo comandante dos guardas do Rei, Brook tratou estas duas meninas como suas próprias filhas – na verdade, quase todos os cidadãos em Chambord gostavam destas duas meninas maduras. Todos sentiam injustiça com Angela, a pobre menina que foi forçada a se casar com este Rei retardado. Mas agora, todos os que tinham testemunhado ou participado na batalha acreditavam que só Alexander era o ajuste certo para Angela.

Depois de ouvir toda a história, Angela e Emma ficaram chocadas.

“O nosso retardado Rei Alexander realmente se tornou o herói da história?”

Emma tinha suas dúvidas.

……

……

Na Instalação De Cura De Chambord, quando Fei entrou, ele ficou chocado.

“Este lugar não é a instalação de cura, é? Parece um chiqueiro.”

Fei pensou consigo mesmo.

Um cheiro frio, úmido e bolorento encheu este lugar aparentemente abandonado. Não havia sequer uma porta para bloquear o vento e a chuva. As janelas estavam bloqueadas por rochas; poeira e lama por toda parte. Havia apenas um pouco de feno no chão, enquanto centenas de soldados fortemente feridos estavam chorando e gemendo.

Quatro ou cinco médicos que estavam vestidos com túnicas pretas e brancas corriam entre esses soldados. Havia definitivamente uma escassez de mãos como esses médicos que estavam correndo ao redor, cobertos de suor.

“Sua Majestade chegou!”

Gritou o soldado que levou Fei.

Isso chamou a atenção de todos na instalação, exceto aqueles que ainda estavam em coma ou tinham desmaiado.

A bravura e o poder do Rei Alexander se espalhou em toda a instalação pelos soldados feridos que foram enviados aqui depois que Fei tinha chegado no campo de batalha. Muitos soldados ficaram imaginando as cenas de batalha emocionantes e viris. Claro, alguns soldados que não viram Fei no campo de batalha estavam um pouco céticos quanto a isso. Eles queriam ver o Rei que se transformou de um retardado á um herói em pessoa.

Depois de ver o Rei Alexander chegar, os soldados aqui começaram a arfar.

Alguns soldados ignoraram as feridas em seus corpos. Eles lutaram para conseguirem se sentar, para que pudessem ver o Rei, quebrando as crostas que tinham acabado de se formar em suas feridas. Os que lutaram ao lado de Fei aplaudiram:

“Salve o Rei Alexander!”

Fei agradeceu ao soldado que o levou à instalação, em seguida, rapidamente tentou confortar os soldados que estavam lutando para se sentar….

Ele não sabia o que dizer.

Este não era definitivamente o lugar certo para exibir seu status real. Depois de ver muitos rostos jovens, maduros e velhos, suas feridas surpreendentes, o sangue de seu corpo encharcando o solo sob eles, algo desencadeou o coração de Fei.

O legado dos gloriosos heróis da Terra parecia ter sido revivido pelas pessoas na frente dele. Tecnicamente falando, estes soldados se feriram para protegê-lo; Alguns deles seriam debilitados para sempre. Como uma pessoa da Terra, Fei não iria convencer-se a aceitar este fato; se possível, ele desejava que ele tivesse lutado a batalha desde o início ao lado destes soldados.

Humanos pareciam sempre se contradizerem e Fei foi um excelente exemplo.

Ele era um covarde e com medo da morte, mas neste momento, ele queria lutar e batalhar. Talvez ele tenha sido afetado pela violência sem fim e crueldade no mundo de Diablo, ou poderiam ter sido seus instintos animais sendo acionados pela pressão do inimigo.

“Meus guerreiros, vocês têm protegido Chambord e vocês merecem a glória que ganhamos hoje!”

Embora Fei considerava-se um orador, ele realmente não sabia o que dizer neste momento. Quando ele se inclinou para todos os soldados na instalação de cura, essa frase de repente saiu.

Este mundo era semelhante as sociedades feudais medievais europeias nas classes rígidas e hierarquias. Um Rei curvando-se a um soldado de classe inferior era inédito – até mesmo para um Rei retardado.

Às vezes, as emoções humanas eram simples. Muitos soldados foram tocados pelo arco de Fei. Alguns soldados que estavam reclamando e rancorosos, como resultado de suas novas deficiências sentiram que valeu a pena naquele momento.

……

Após Fei confortar a maioria dos soldados feridos, ele chegou na frente de Pierce. Ele tinha entrado em coma. O inimigo deixou um pouco de sua energia dentro do corpo de Pierce, quando o ombro foi perfurado pela espada. A energia danificou o corpo de Pierce e chocou seus órgãos internos. O sangue estava fluindo para fora sem parar na área ferida. Um jovem médico estava lutando ao lado para tentar pará-lo, mas não foi eficaz.

Fei agora teve a oportunidade de observar o tratamento do médico em pequenos detalhes .

Ele estava realmente desapontado. Os médicos de Chambord não tinham a cura mágica que Fei tinha imaginado. Eles só podiam realizar os primeiros socorros simples, incluindo a limpeza de áreas feridas e aplicação de remédios para curar ela. A eficácia destes tratamentos era muito limitada.

A vida e a morte dos soldados feridos dependiam de seus próprios atributos físicos e a gravidade dos seus ferimentos. Se tivessem sorte, eles poderiam permanecer vivos. E se não tivessem? Em seguida, eles não poderiam fazer nada,se não morrer.