Hail The King: Capítulo 138: A “Obscena” Recompensa de finalização (2)

11
1199

Tradução: LK
Revisão: Pomba


Embora fosse chamado de um reino remoto e empobrecido, Chambord não era tão empobrecido quanto à maioria pensava. Na verdade, era bem o contrário. Rodeado por montanhas verdes e o rio Zuli, Chambord era um lugar bastante agradável e alegre.

À tarde, no muro de defesa, uma equipe de astutos soldados estava patrulhando em torno do parapeito da muralha. A planície em frente ao rio parecia sentir a degradação do outono. A grama verde tinha ficado amarela. Olhando de longe, parecia que havia um tapete dourado colocado no chão. Uma brisa passou, e a grama das colinas ondulou como se fossem marés. A paisagem era perfeita.

De repente –

Boom! Boom! Boom! Boom!

Uma série de barulhos de bateria veio de longe. Estava cheio de intenção assassina penetrante que só era proveniente de tropas militares. Ele quebrou instantaneamente a atmosfera pacífica e a visão pitoresca.

“Pare!”

Barak, o capitão desta equipe acenou com a mão, e os soldados patrulhando fizeram uma pausa em seus passos.

Barak atenuou a respiração e ouviu atentamente esse barulho de bateria. Seu rosto mudou de cor lentamente. Ele pulou em uma ameia* sem dizer uma palavra e olhou detalhadamente. No horizonte, onde a planície dourada encontrava o horizonte, ele viu uma densa fileira de bandeiras. As bandeiras tinham várias cores e símbolos, e todas vibraram ao vento. Então, um grupo de pessoas apareceu; Eles pareciam uma enorme massa de formigas negras aos olhos de Barak… E um exército.

[LK: ameia é parapeito da muralha]

“Quem poderia ser?” Barak ficou surpreso.

Este exército que surgiu do nada e tinha pelo menos mil homens. Todos estavam bem armados. Suas armas brilhavam e refletiam a luz do sol nos olhos de Barak. Este exército totalmente armado não é algo bom. Mas, no caso de que fosse um mal entendido, Barack enviou um sentinela para averiguar a intenção do exercito.

Um cavalo rápido com o sentinela correu para fora do portão do reino. Em breve passou a ponte de pedra e dirigiu-se em direção ao exército.

Ao mesmo tempo, todos os soldados do reino receberam comandos urgentes e todos correram para o muro de defesa em formação.

Depois de mais de dez minutos, o sentinela finalmente havia retornado. Embora ele não ouvisse o relatório do sentinela, Barak sabia o que estava acontecendo depois de ver as manchas de sangue e as poucas flechas nas costas – esse exército que apareceu do nada era um inimigo.

“Toque o sino e o alarme para todos. Rápido! Informe o Sr. Brock sobre esta situação agora!” A voz agitada de Barak soou nos ouvidos de cada soldado.

Bang! Bang! Bang! Bang!

O sino enorme que era de cerca de 1,80 e foi pendurado na posição mais alta na muralha defensiva foi tocado.

Uma atmosfera tensa se espalhou no castelo de Chambord enquanto o sino tocava. Os cidadãos relaxados que vagavam pelas ruas entraram em pânico e voltaram para suas casas. Alguns cavalos rápidos estavam correndo para a Academia Civil e Militar de Chambord e o Palácio do Rei. Embora a atmosfera de repente tenha mudado de casual para tensa, após a experiência do cerco dos inimigos negros blindados, as pessoas de Chambord que sobreviveram ao conflito não se entregaram ao caos. Todos os preparativos para a batalha foram feitos adequadamente.

Barak levou quarenta soldados para fora da fortaleza. Eles correram para a ponte de pedra.

Durante a batalha na ponte de pedra com os inimigos negros blindados, o Rei Alexander como um Deus quebrou esta antiga ponte que esteve aqui há vários anos pela metade com sua força brutal e deixou uma lacuna de mais de 9 metros por muito tempo. Após a guerra, as duas partes da ponte estavam conectadas por cordas, correntes e placas de madeira. Mas, sob a supervisão e projeto de sua majestade, a ponte de tábuas de corda e madeira simples e bruta foi substituída por uma ponte suspensa feita de correntes e placas de ferro.

Esta ponte suspensa era perfeita para ataque e defesa. Era como uma besta gigantesca que ligava os dois lados das pontes de pedra. Ela serviu como uma excelente primeira linha de defesa e aperfeiçoou o efeito do fosso do rio Zuli.

Creak! Creak! Creak! Creak!

8 correntes de ferro que eram tão grossas quanto a cintura de um adulto puxavam lentamente a ponte suspensa de ferro como 8 braços dedicados sob o grito e o rangido da enorme roda de ferro. O intervalo de mais de dez metros reapareceu na ponte. A corrente rápida no rio Zuli corria por baixo da lacuna, e névoas frias foram sopradas pelo vento, congelando os arredores. Havia também uma misteriosa força de sucção vinda do rio, tornando tudo mais horrível.

Quando confrontado com essa lacuna, qualquer exército teria que encher o rio com cadáveres antes de passarem.

“Arqueiros …… prepare-se!”

Barak tirou a espada. Ele lambeu os lábios e não se preocupou em esconder a expressão excitada de seu rosto. O Reino de Chambord aumentou gradualmente a força militar. Como um dos vinte e três homens fortes que participaram da batalha na ponte de pedra e um dos Saint Seiya* de prata, ele estava ansioso por esta batalha do fundo do coração.

[LK: Começou a aparecer os Saint Seiya de prata ou os cavaleiros do zodíaco de prata, e ai eu peço a opinião de vocês deixo Saint Seiya ou cavaleiros do zodíaco? Responde ai nos comentários nesse capitulo vou manter em inglês mesmo]

Ele queria que todo o império visse o quão forte era Chambord!

Atrás dele, muitos soldados saíram da fortaleza para ajudá-lo. Membros do Saint Seiya, como Drogba e Ivanovic, lideraram os soldados de elite sob o comando deles e se juntaram aos soldados no lado norte da ponte de pedra. Na muralha defensiva, Bast e Brock, que os diretores civis e militares de Chambord, já haviam chegado após o alarme. Estavam de pé sob a torre de vigilância calmamente.

Esta era uma velocidade de reação assustadora.

Todos estavam esperando que esse inimigo repentino e misterioso chegasse.

Na caverna subterrânea na parte de trás da montanha.

Na simples e bruta sala de pedra.

Fei tirou o último pedaço de armadura de couro macio de Elena. Ele tentou fazer enquanto fechava os olhos. Embora seus dedos trêmulos não tenham tocado a pele branca, lisa e queimada de Elena, ele já sentiu uma sensação calorosa e encantadora. Fei sentiu como se sua alma recebesse uma queimadura de terceiro grau pela beleza da Valquíria.

Não havia tempo a perder. A condição de Elena estava piorando. Fei sacudiu a cabeça enquanto abraçava o corpo da mercenária. Ele sentiu uma sensação mística. Seu corpo estava entorpecido com esse sentimento suave, quente e sem precedentes. Sua mente ficou em branco.

A Valquíria desmaiada pareceu sentir algo. A expressão de dor no rosto dela relaxou um pouco.

Fei suprimiu os pensamentos sujos em sua cabeça e focou na informação que ele obteve no Diablo World. Ele olhou para o rosto lindo de Elena enquanto ele suspirava em seus pensamentos. Neste momento, por algum motivo, a figura pura de outra garota apareceu na sua mente.

Contudo……

Depois de separar ligeiramente as pernas longas e brancas da Valquíria, Fei finalmente entrou lentamente.

Não houve tempo para experimentar esse momento de êxtase. Um fluxo de poder explosivo cheio de destruição correu para o corpo de Fei através da conexão. Embora Fei tivesse antecipando isso, essa sensação extremamente dolorosa fez Fei gritar instantaneamente com um rugido profundo. Ele sentiu que o poder havia rasgado sua alma de seu corpo. Seu sangue também brotou do corpo através dos poros, enchendo o ar com névoas sangrentas.

Fei afinal experimentou a dor que Elena estava suportando.

Era difícil imaginar como essa garota bonita conseguiu suportar essa dor, Ela nem gemeu quando desmaiou… A força da garota imediatamente chocou Fei!

Ele abraçou a garota firmemente em seus braços, como se estivesse abraçando o tesouro mais precioso do mundo.

Fei utilizou seu poder físico do bárbaro e tentou pegar o máximo daquela dor aterrorizante. Ele podia até sentir claramente as quatro energias: raio, fogo, gelo e veneno passando pela conexão e entrando em seu corpo. Ele sentiu que todas as células em seu corpo estavam sendo transformadas em poeira. Quantidades infinitas de dor foram geradas através do conflito e luta entre estes quatro tipos de energia.

Sob essa dor que era mais do que dez vezes a quantidade como a dor que ele experimentou depois de beber a【Poção Hulk】, cada segundo era um século na sua cabeça.

Logo, gelo, raio, fogo e veneno, as quatro energias incompatíveis gradualmente pararam de lutar. Elas eram como quatro caras que se tornaram amigos depois de uma longa briga. As energias circularam no corpo de Fei por um ciclo completo e, em seguida, retornaram completamente ao corpo de Elena através da conexão, como uma baleia que sugava de volta a água que ela jorrou para fora. Nenhuma energia foi deixada no corpo de Fei.

No instante seguinte, Fei sentiu o corpo bonito em seus braços se mover ligeiramente.

Este ligeiro movimento surpreendeu Fei, e ele imediatamente limpou a cabeça. Ele imediatamente percebeu que foi muito estranho entre eles, sua parte inferior do corpo ainda estava… Eh, ele ia dizer algo e separar seus corpos, mas dois braços suaves, delicados e lisos se estenderam e seguraram firmemente Fei.

[LK: Ah safada]

Ele baixou a cabeça.

Ele viu a mercenária gostosa piscando seus lindos olhos.

Ela, obviamente, acordou há bastante tempo.

E ela sabia o que aconteceu.

Uma gota de lágrima cristalina deslizou lentamente de seu belo rosto.

No entanto, ela não soltou Fei. Seus braços ainda cercavam o pescoço de Fei. Fei teve dificuldade em respirar. Parecia que ela estava com medo de que a pessoa em seus braços desaparecesse instantaneamente no ar, se ela o soltasse.

“Me abrace mais apertado!” Elena sussurrou na orelha de Fei.

Ao mesmo tempo, Elena abraçou Fei como um fogo ardente.

Ela empurrou seu corpo quente contra o de Fei. Fei sentiu como se estivesse prestes a derreter nesta chama quente. Seu corpo tremia ligeiramente nos braços de Fei. Naquele momento, ela não era mais a arqueira mágica invencível que cobriu o calor do sol com as suas flechas congeladas, ela era apenas uma garota corajosa e tímida que tinha baixa autoestima.

Fei de repente percebeu.

Ele finalmente entendeu que ele estava ignorando algo antes.

Seu coração sentia-se quente e macio, como se estivesse molhando e derretendo em pedaços, misturando-se ao corpo em seus braços e não pudessem mais se separar.

Os gemidos sedutores e a respiração pesada ressonaram gradualmente nesta sala de pedra.

Elena ergueu seu suave pescoço branco como cisne, acenou com a mão, e uma cortina de água azul envolveu os dois. A luz do céu azul acendeu esta sala de pedra escura, e tornou tão bela quanto o céu.

Esta era a cor e o som de um sonho.

 

  • Deus maligno

    deixa cavaleiro do zodíaco.

  • Sabin

    Coloca cavaleiros do zodiaco mesmo, tudo em ptbr que nem no anime
    E comeu, espero que a merda não seja muito grande

  • Jorm

    deixa cdz msm mano…
    Olooooco, foi simples assim que o Fei vaaapo na Elena? kkkkkkk fora que ela é ousada tbm ( ͡° ͜ʖ ͡°)

  • Orihara Izaya

    Muito Obrigado, cavaleiro do zodíaco traz aquela sensação de nostalgia

  • Lucas Antonio

    Obrigado pelo capitulo, cavaleiro do zodíaco é melhor.

  • HU3BR Diablo3HC

    finalmente rolou aquela pimbada na elena
    vlw empire foda d+ essa novel

  • gabi

    obrigado pelo capitulo XD

  • Ákila Tomaz

    muito bom, agora so quero saber agora quem sao esses que ousam mexer com ele.

  • Wesley Pereira

    só queria ler o próximo ç.ç, queria saber o que deu no sex….. na batalha ‘-‘

  • Matheus Tierno

    Deixa cavaleiros do zodíaco mesmo

    Alguém me fala os dias de lançamento dos capítulos ?

  • Jonathas Alexandrino

    Deve ser a porra do inimigo mortal deles lá, Stone Black eu acho