God is a Game Designer – Capítulo 23

177

Ative o Modo Noturno

 

Tradução: The Tempest

Revisão: The Careca


Os Tolos Caem Rápido

O olhar de Nathan atravessou todo o vale, era bastante vasto e a única entrada central dentro do vale ficava no beco noroeste, que já era um lugar lotado com pedras maciças e pedregulhos que já bloqueavam a entrada principal. Ele já podia ver a árvore e gramada firam bem próximos do rio recém-formado, este era um ponto de partida perfeito para a cidade.

Ele se virou para o pequeno grupo à sua esquerda conforme sorria para todos eles. Cada um deles olhava para ele com rostos cansados, mas orgulhosos, enquanto completavam a missão que lhe foi designada. Ele agiu de forma piedosa e alcançou pontos extras, que ele teve que gastar para comprar algumas melhorias legais da loja.

“Vamos para baixo, posso ver tendas sendo montadas e aposto que todos vocês querem descansar.”

Kaye acenou com a cabeça e começou a descer, os olhos olhando para cima observavam Nathan começar a se mover pelas rochas, a água já tinha deixado toda a área molhada e ela estava prestes a avisá-lo.

“Senhor, essa área está um pouco molhada, você deveria ter cuidado…”

Ela sentiu que seu aviso chegou um segundo tarde demais, quando Nathan se virou para olhar para ela, seu pé escorregou pela superfície lisa de uma pedra, seu corpo se contorceu e ele tropeçou na lateral do penhasco, água e peixes voadores subiam por ele, e ele caiu no chão. A pedra abaixo alcançou rapidamente e uma rachadura ecoou pelo vale.

Kaye, Kai e os outros observavam conforme alguns cidadãos, além de Lee, Feya e Auryn se aproximavam também do buraco, que era do tamanho de uma pequena cratera. Nathan estava deitado de cara no poço. Surpreendentemente, nem um único arranhão permaneceu em seu corpo, enquanto ele lutava para sair do buraco feito pelo homem que ele havia criado. :speech_balloon:

 

Sistema: ‘Tolice: -250 Fé. Você é um Estorvo.’

Sistema: ‘Novo título ganho – O Tolo

Sistema: ‘Novo título ganho – Especialista em Queda Livre’

 

Nathan soltou um gemido suave, as telas piscando em seu rosto enquanto ele ainda estava preso dentro da rocha, quando tentou se soltar ele soltou um grunhido.

“Sistema de merda estúpido!” Ele disse amaldiçoando a pedra enquanto continuava tentando se libertar. Desta vez, foi culpa dele ter escorregado, ele trabalhou tão duro para evitar essa exata situação.

Nathan soltou um assobio quando ele finalmente se libertou, seus olhos olhavam para todos com vergonha. Ele tentou o seu melhor para esconder tudo conforme caminhava da cratera, passando por todos, com os olhos olhando para todos enquanto ele continuava a andar. Ele não conseguia fazer nenhum contato visual.

 

Sistema: ‘Ato Divino – 50 Fé Obtida… Boa Encenação!’

 

Ao mesmo tempo – Feya POV

Os olhos de Feya seguiram Auryn, olhando para o homem conforme ela observava os milagres acontecerem, seu coração acelerou ao saber que isso mudaria o futuro de todos. Só a água poderia dar a eles a chance de se expandir, ela conhecia muitas aldeias que tinham muito em termos de comida ou suprimentos para conseguir comida. A água era a questão central neste lugar massivo e as cidades em locais mais remotos precisavam de água para sobreviver.

“Vamos cumprimentá-lo e à equipe e obter os relatórios. Precisamos planejar as próximas operações com o anoitecer em breve.”

Lee disse acariciando seu queixo quando começou a se mover, ajudando Auryn enquanto os dois caminhavam juntos, Feya vinha ao lado deles com alguns outros guardas e aldeões a seguindo atrás. Feya notou que Nathan começou a se mover em direção à borda, seu corpo se movendo de uma maneira pouco ortodoxa enquanto ele parecia estar cambaleando.

“Ele vai cair?” Ela comentou enquanto observava o homem como se ele estivesse em uma corda bamba.

“Ele é o Semideus, eu duvido que isso aconteça”, Lee disse com um sorriso brilhante que, alguns segundos depois se transformou em uma carranca e depois preocupado ele começou a correr, Feya seguiu atrás dele e Auryn foi ajudada por alguns outros enquanto eles o assistiam cair de tal altura.

Uma trovoada estrondosa ecoou pelo vale quando uma enorme nuvem de terra e pedra surgiu, peixes voadores ainda fluindo através da poeira e aterrissando na água. O grupo parou apenas na borda enquanto a nuvem de sujeira obscurecia a visão.

Eles esperaram, ninguém queria checar o possível cadáver plano daquele que havia salvado todos eles e providenciado tais favores. Várias outras rachaduras podiam ser ouvidas à distância, enquanto uma figura à distância se levantava, virando-se e caminhando na direção deles.

Feya sentiu vontade de gritar ‘zumbi’ até ver o rosto resolvido e concentrado de Nathan passando por ela e pelos outros, continuando a andar como se nada tivesse acontecido, seu corpo inteiro parecia estar em excelente forma, sem nada de errado e até mesmo sua roupa estava completamente intacta.

“Ele fez isso de propósito?” Feya perguntou confusa. Ela estava se perguntando qual era o objetivo disso. Se alguém fizesse isso acidentalmente, então eles normalmente agiriam de forma humilde e tentavam se dar bem, enquanto Nathan se movia silenciosamente como se nada tivesse acontecido, como se fosse para acontecer e fosse algo normal.

Lee Shee e Auryn apenas ficaram paralisados quando os dois olharam para o buraco e depois para o homem que passava por todos sem dizer uma palavra, suas costas tão grandes que todos se sentiam diminuídos por trás.

“Como um homem tão pequeno e magro pode ser tão grande?”

Feya mencionou enquanto os outros assentiam, observando-o se afastar para o oeste.

Foi assim que as lendas começaram e como o Santuário nasceu.

Ei, você gosta desta novel? Acha que tem pontos a se melhorar? Ou acha que o autor já conseguiu expor toda sua experiência com esta obra? Diz pra gente lá no novo site da Central Novels!