Beyond? – Capítulo 61 – Cronograma Apertado

1
240

Tradução – Cohi

Revisão – Denn


“Por que manter um prédio antigo se você pode construir um novo? 

Não conserte coisas se você pode fazer algo novo em vez disso. 

Já olhou para o céu e se perguntou o que há lá?”  

-O criador. 

*** Cidade Livre do Estado de Nict, Capital *** 

*** Azir *** 

Eu tive minha mão-de-obra e comecei imediatamente. O objetivo do projeto número um era invadir o observatório nacional da capital e tirar todos de lá. Depois de passar um tempo por dia no capacete, decidi que é muito perigoso usar a Luz do Imperador sozinho. 

Essa coisa tem alguns circuitos mágicos capazes de fritar o cérebro do usuário. Temo que sejam um mecanismo de segurança. Não é como se eu fosse incapaz de me meter com o capacete, mas depois de ter examinado minuciosamente aquela coisa toda, eu decidi que não vale a pena me incomodar e desperdiçar tempo com ele. 

Garantir que a coisa seja segura de usar exigiria que eu a separasse e voltasse a juntar peça por peça, circuito mágico por circuito mágico. 

E há muitos deles lá. O criador do capacete usou uma técnica de pôr as camadas das runas em múltiplas camadas no interior do capacete. Nada de novo para mim, mas me aborrece analisá-las. É como desmontar um computador moderno e colocá-lo novamente em funcionamento. Uma única pessoa pode lidar com uma tarefa como essa, mas requer uma grande quantidade de tempo. 

Então eu decidi fazer a próxima coisa lógica e isso é avaliar a ameaça. Reconstruí apenas a parte do capacete que a conecta a outro lado e sintonizei meu novo dispositivo de comunicação com o comprimento de onda direito. O resto foi fácil. Depois que recebi um bom sinal, decifrei e tive minha própria ligação antes do suposto satélite. A partir desse momento, todo o crédito tem que ir para Ivy. Ela é muito boa em interagir com outras máquinas, eu duvido que eu possa competir com ela agora. 

Deve ser dito que ela é uma trapaceira. O idioma da máquina e os códigos são a sua língua nativa, por assim dizer. Não estou pensando em zeros e uns como ela. Ela não deixou de aproveitar seu momento de glória quando cortou a rede de satélites acima de nossas cabeças. Nós também baixamos um mapa muito detalhado do mundo. 

Há vinte satélites circulando ao redor do planeta. O Imperador era um homem ocupado. Infelizmente, os satélites são codificados. Isso significa que nem eu nem Ivy podemos mudar sua programação. Má sorte para nós, boa sorte para quem conhece as frequências corretas para acessar a rede. 

Pelo menos eu pude descobrir que os satélites usavam magia para criar um campo magnético forte. Eles usam esse campo para canalizar um fluxo de íons polarizados em um feixe fino. A explosão resultante de radiação e matéria focada é liberada em um alvo de sua escolha. 

É um truque realmente extravagante, mas também um desperdício. Há formas muito mais fáceis de atingir um alvo a partir da órbita, embora eu pense que o Imperador escolheu esse método porque era o mais brilhante. Eu gosto disso, usar uma explosão de radiação para queimar seus inimigos é brilhante. 

Eu ganhei esse conhecimento praticando. Enviei um dos meus drones para o norte, depois lancei um dos satélites repetidamente até ter dados suficientes para determinar o método usado. O campo do exército bárbaro foi muito bem-vindo – e, o mais importante, um alvo muito grande. Chuck ficou muito feliz que a praga na frente de sua porta tenha se transformado em poeira, embora a maioria dos bárbaros fugisse para todas as direções. Os satélites podem disparar a cada dez minutos e cada tiro queima uma área de cerca de duzentos metros. É eficaz contra um alvo de alto valor, mas para assar um grande exército não dá. Assim que um soldado vê seus companheiros aparecerem como pipoca, ele corre. Eles se espalham em todas as direções e seus feixes de radiação brilhantes tornam-se cada vez mais ineficazes. 

Um ponto interessante que surgiu é que a rede de satélites cobre quase todo o planeta. Quase. Não há satélites em uma órbita que os leve acima do espaço aéreo de Quinn. O continente do oceano do norte também não é coberto pela rede. 

É claro que o Imperador poderia ter feito isso de propósito, mas pelo que eu ouvi sobre ele, ele era um puto de um controlador. Não há como ignorar de certo modo certos países. Então, a resposta mais provável é que Quinn tem ou teve uma maneira de lidar com os satélites. A questão que surge em seguida é: “quem vive no segundo continente?”. 

Há uma grande massa terrestre neste mundo. Ela abrange desde ao longo da zona climática temperada e em parte se estendendo até o polo norte. Nict está ocupando uma grande parte do litoral ocidental. 

As nações do sul controlam uma pequena parte da costa ocidental e se estendem ao longo da costa sul. A área sob seu controle é enorme. Se você tivesse somente o tamanho pelo seu critério, então Nict deveria ter perdido as guerras contra elas há muito tempo. Mas acho que a vantagem geográfica de Nict não pode ser ignorada. 

O centro do continente é ocupado pelo que chamamos de planícies orientais. É uma estepe enorme que se estende por vários fusos horários, pelo menos vinte vezes maior que Nict. Suponho que o espaço aéreo limpo acima da costa leste pertence a Quinn e se é um indicador do tamanho de Quinn, então Quinn controla uma área aproximadamente três vezes maior do que Nict. 

Dwem controla a cordilheira do norte que se estende acima do Nict e atinge ainda mais as planícies orientais. Além do fato que Dwem é uma pequena terra ruim que se transforma em uma tundra de gelo, você chega até ele pelo norte. Acho que é por isso que os bárbaros não querem viver lá. 

Há um arquipélago de ilhas além do oceano ocidental, em tamanho aproximadamente comparável a Quinn. Depois desse arquipélago e mais ao sul, encontra-se outro continente no equador. É menor do que o continente principal e com a forma de uma grande gota de gordura de marmelada. Como eu sou o descobridor… desde que redescobri esse continente, eu o nomeei Blob. 

Quanto à minha equipe e ao observatório: a primeira coisa da minha lista era derrubar o telescópio mal feito, e então continuar e fazer que eles construíssem um caminho adequado para mapear os caminhos exatos dos satélites. 

A tarefa número dois era construir nossas próprias plataformas de espionagem e teletransportá-las para o espaço. Isso não era muito difícil de fazer, já que eu já tinha uma unidade básica muito boa, sendo os meus drones, para trabalhar. E teleportar algo direto para o espaço vazio é muito mais fácil do que teletransportar para uma área específica na superfície do planeta. Tudo o que tínhamos a fazer era mudar o design dos meus drones. Esqueça as asas, aumente a cópia heliográfica em tamanho e dimensões, adicione equipamentos sensoriais adequados e comece a trabalhar. Na verdade, ensinar minha equipe a construir os telescópios e sensores necessários me deu mais dores de cabeça. O diabo está nos detalhes. 

Nossos satélites não são tão sofisticados quanto aos antigos do Império, mas podemos ter certeza de que estão sob nosso controle. Mantê-lo simples e estúpido é o caminho a seguir. O mesmo se aplica ao sistema de armas que montamos em meus drones modificados. Eu mantive as opções de focar a luz e sobrecarregar suas unidades, embora elas não as ajudem muito lá em cima. Nossos satélites não têm um escudo térmico, então eles não sobreviverão a uma reentrada na atmosfera. 

O que nós poderíamos fazer foi dotá-los de um conjunto de bolhas de metal. Eles podem usar sua unidade gravitacional para impulsionar esses projéteis em altas velocidades com o fim de atirar em um alvo. 

Então, fizemos algo que a maioria das pessoas do meu antigo mundo teria chamado de “destruição de um patrimônio cultural”. Uma vez que tivéssemos suficientes satélites improvisados no local, destruímos os velhos satélites do Império em um ataque coordenado. Como esperado, os satélites do Império derrubaram o nosso e, durante alguns momentos, tínhamos uma verdadeira batalha espacial. Na real, toda aquela coisa foi muito chata de assistir, já que terminou em segundos. Nós atiramos nossas bolhas neles, eles retaliaram em uma reação provavelmente automatizada e foi isso. Tudo o que precisávamos era substituir nosso equipamento destruído. Embora eu admita que temi que os satélites fossem um pouco mais inteligentes do que eu esperava. Tudo acabou no final. 

Claro que também tentamos enviar um satélite ao longo de Quinn, embora isso não tenha funcionado tão bem. Ao entrar no espaço aéreo de Quinn, simplesmente perdemos contato e é isso; motivo desconhecido. O satélite simplesmente caiu do céu e queimou-se na atmosfera. Isso me irritou, mas tenho coisas melhores a fazer do que mostrar interesse em Quinn agora. 

O próximo item na minha lista é uma versão ampliada dos meus drones para espiar em maior detalhe nos outros países. O equipamento em nossos satélites pode ser suficiente, mas não é suficientemente bom. Há um limite para o que você pode fazer em um período de tempo limitado. Quero poder ler o jornal de Quinn até o final do ano que vem… se eles tiverem um. 

O fato de que Louise se juntou à minha equipe também foi de grande ajuda. Ela é inteligente e usou minha rede de mana como interface para controlar os satélites. Claro, tudo com proteção adequada ao público. Acho que eu não deveria ter largado a ideia da rede de mana nessa sociedade desavisada. Isso ganhou vida própria e Helen teve problemas reais para manter o conhecimento certo fora da rede e longe dos olhos civis. 

Se você governa um país como algo parecido com um rei, você conta com certas notícias se espalhando lentamente e não liga para as outras informações. Manter o fluxo de informações sob controle é a chave para governar um país, embora a rede de mana esteja espalhando tudo como um incêndio. Desculpe, Helen. Talvez você tenha que colocar algumas leis nacionais para usar a nova tecnologia. 

Desta forma, passaram os meses e esperamos e procuramos novas pistas do nosso inimigo. As nações do sul não fizeram um movimento, provavelmente porque souberam o que aconteceu com seus aliados. Continuei treinando minha habilidade com minha mãe e depois pratiquei o lançamento com meu pai. Universidade, tutoria, minha equipe de pesquisa, visitas na torre de Chuck, Stella, Karsen e Talia, que anunciaram seu noivado, por sinal, só posso dizer que minha agenda está cheia. 

Eu mesmo reduzi o meu hobby de mexer no meu laboratório. Simplesmente há muito a fazer agora e admito que não estou prestando atenção a tudo. Pode ser falta de interesse ou mau compartilhamento de informações. 

Mas eu deveria ter tido consciência de algo tão grave quanto isso! Depois de um dia difícil, voltei para casa e encontrei Stella sentada em nossa cozinha e brilhando como uma grávida, enquanto colocava um enorme ovo em uma cesta. Ela está sentada no banco na mesa da cozinha e Ivy está pulverizando o ovo com água. Talia está pronta com uma toalha seca. 

Não pode ser, eu teria notado se Stella tinha ficado gorda. Embora ela não tenha ficado. As mulheres podem ocultar sua gravidez de alguma forma? O ovo era tão similar ao que Valeria saiu. 

Cautelosamente, eu ando até a mesa e aponto para o ovo.  

“Jantar?” 

Todos os três olham com expressões chocadas para mim. Stella coloca seus braços protetores em torno do ovo. 

“Isso não é comida! Essa é minha sobrinha! Ela não é fofa?”  

Ela coloca o rosto no ovo.  

“Eu acho que posso ouvi-la dentro do ovo!” 

Suspiro em alívio. No entanto, o que é fofo em um ovo? 

“Então é o de Sola! Por que está aqui? Eu não sabia que ela já estava naquele estágio com… Xander, era esse o nome dele? “ 

“Isso me surpreendeu também. Aparentemente, ela engravidou imediatamente para consolidar sua união.” 

Talia esfrega o ovo com a toalha seca. 

Faço uma careta. 

O pobre homem caiu na armadilha de mel imediatamente. Provavelmente aconteceu a primeira vez que o fizeram. Não consigo imaginar Sola como alguém que evita a gravidez. Ela é uma mulher que sabe o que quer. 

Stella continua a acariciar o ovo. 

“Sola teve que ir em uma missão diplomática para Dwem. É sobre a guerra em curso com os bárbaros e quanta ajuda o Dwemer precisará para manter a vantagem. Os bárbaros mudaram de guerra aberta para táticas de guerrilha. Então, as negociações podem demorar um pouco. Nossa capacidade de criar materiais pode parecer poderosa, mas se você coloca os poucos Gejene em relação a um país tão grande quanto o Nict, você percebe que você tem que ter prioridades”. 

Eu aceno lentamente, parece que esta missão levará um tempo.  

“Mas ela estará de volta antes que ele nasça?” 

Eu não consigo imaginar algo pior do que ter que cuidar da prole de outra pessoa. 

A expressão de Stella fica triste. 

“Você está certo, é uma pena que não vai chocar no tempo! Gostaria de ver os olhos dela quando ela dá seu primeiro olhar no mundo. Infelizmente, é uma tradição que apenas os pais possam estar presentes quando isso acontecer. Sola certamente voltará no tempo.” 

Whew! Parece que eu esquivei de uma bala. 

“Isso é ruim. Bem, até mais tarde, eu vou descansar.” 

É melhor fazer uma retirada tática antes que Stella me pergunte se ela também pode ter um. Eu sei exatamente como a cadeia de eventos acontece. Primeiro, eles ficam perplexos com a fofura da criatura de outra pessoa, então eles querem uma sua e bam! A casa está cheia de pequenas criaturas irritantes que te roubam o sono. 

“Hrgh …!” 

Algo envolveu meu pescoço e me segurou. Eu tento alcançar e sinto uma cauda escamosa enquanto eu estou dando uma volta à responsável por ela. 

“Há algo que você precisa, Stella?” 

Ela sai do banco e se aproxima, isso não parece certo. É como ser colocado numa coleira! 

“Na verdade, eu queria fazer uma pergunta.~” 

Ah não! Eu temo por essa pergunta! Como posso sair disso?  

“Depende?” 

“Você pode cuidar do ovo? É só por cinco dias. Eu tenho exames no laboratório esta semana e eles duram o dia inteiro. Não posso adiar essas lições. “ 

Sua expressão é suplicante e ela até agarrou minha mão enquanto me implorava. 

Eu já imaginei o pior, mas acabou por ser apenas metade do mal. Qual o problema de cuidar de um ovo? Sério, até eu deveria ser capaz de lidar com isso. É muito provável apenas dar uma olhada na temperatura e é só isso mesmo. 

“Certo. Por que não? Acho que posso ficar por alguns minutos longe da minha mesa.”. 

“Ótimo!” 

Stella me abraça de lado, pressionando o peito em mim. 

Isso parece uma boa decisão, posso ganhar alguns pontos de bônus com ela e nem sequer demora muito. 

Ela tira uma folha de papel de seu embrião. 

“Esta é uma lista das coisas que você tem que fazer. Primeiro, pela manhã você controla a temperatura. Tem que ser exatamente quarenta e três graus. Existe um circuito de aquecimento na cesta. Então, vire o ovo e pulverize com água para que não seque.” 

“Aqui está o circuito.”  

Ivy coloca o circuito na minha frente. 

“Então você espalha esta pasta no ovo para manter a concha forte e resistente, certifique-se de esfregá-la até a pasta ser completamente absorvida. Vai demorar um pouco.” 

Talia tira a pasta do bolso e coloca-o na minha frente. 

“…Então você gira o ovo a cada três horas e controla a temperatura. Não se esqueça de pulverizar com água. À noite, você lava o ovo com água morna e esfrega os restos da pasta. Quando terminar, você aquece com uma toalha e coloque-o para descansar até a manhã seguinte. Certifique-se de colocá-lo no lado direito.” 

Stella me beija na bochecha.  

“Obrigada.” 

Antes que eu possa fazer uma queixa, os três deles foram embora. Ah, sério? Eu não sou um tipo de enfermeira molhada! E por que Ivy correu também? Por que eu tenho uma serva que não faz o seu trabalho?! Olho para o ovo. Não sei por que o ovo da Valeria não teve tantos problemas como esse. Eles estão me preparando? Eu tenho que ir confirmar isso com meus livros médicos, acho que ainda os tenho no meu laboratório. Meia hora depois estou de volta; o livro confirmou o cuidado excessivo. 

“Você é problemático!”  

*Knock* *Knock*